Leaderboard_turismo
Relatório confirma que frio polar em janeiro bateu recordes na região | Região de Leiria

Relatório confirma que frio polar em janeiro bateu recordes na região

Está confirmado: o mês passado foi particularmente frio na região, especialmente em Alcobaça. As temperaturas gélidas fizeram-se sentir durante mais de metade do mês.

frioDe acordo com o boletim climatológico do Instituto do Mar e da Atmosfera (IPMA), referente ao mês de janeiro, Alcobaça registou mesmo o novo valor mínimo absoluto da temperatura mínima jamais aí registado, com os -6.7 graus de dia 19. Já os -4.0 graus que nesse dia se fizeram sentir em Ansião, constituem o novo recorde para o mês de janeiro para aquela vila do norte do distrito.

Alcobaça destaca-se ainda por estar entre os locais de Portugal que mais dias estiveram sujeitos a temperaturas mínimas iguais ou inferiores a zero graus. Dos 31 dias de janeiro, mais de metade (16) foram vividos em Alcobaça com temperaturas mínimas iguais ou inferiores a zero graus. Leiria sofreu um pouco menos, com “apenas” 14 dias. Mas em ambos os casos, as temperaturas mínimas extremas foram sentidas durante 12 dias consecutivos.

Aliás, em janeiro, revela o relatório do IPMA, foi em Alcobaça que se registou igualmente o maior desvio dos valores médios da temperatura média do ar no país (com menos -1.3 °C) e também o maior desvio em relação à temperatura mínima (-2.7 °C). Em suma, janeiro foi um mês particularmente frio em Alcobaça, quando comparado com o que é habitual.

Na capital do distrito, Leiria, os -5.7 graus de dia 19 foram o valor mais baixo registado no mês passado. Dia 5 foi o dia mais quente em Leiria com a temperatura máxima a atingir os 18.9 graus.

A nível nacional, o “valor médio da temperatura mínima do ar, 2.98 °C, foi bastante inferior ao valor normal com uma anomalia de -1.56 °C, sendo o 5º valor mais baixo desde 2000”, refere o relatório do IPMA.

Desde 1931, adianta ainda o documento, “valores da temperatura mínima inferiores aos deste mês ocorreram apenas em 15% dos anos”. A “influência de ar muito frio e seco - Ar Polar Continental, transportado da Europa Central”, foi a razão que motivou valores invulgarmente baixos da temperatura mínima.

Curiosamente, “o valor médio da temperatura máxima, 13.54 °C, foi superior ao valor normal, com uma anomalia de +0,45°C”, acrescenta o documento.

O frio foi presença constante, mas a precipitação foi escassa, “muito inferior ao normal o que permite classificar este mês como muito seco”, aponta o IPMA.

Deixe um comentário

DDinis-MREC-14-03_curso-intensivo

Pergunta da Semana

O orçamento participativo de Leiria tem estado devidamente divulgado junto dos munícipes?

Loading ... Loading ...
Capa-Regiao-de-Leiria-edicao-4184-de-25-maio-2017.jpg
Twitter RSS

Escreva-nos

foxyform
Região de Leiria
Newsletter Powered By : XYZScripts.com