Select Page

Margem esquerda: Autarcas bipolares

Margem esquerda: Autarcas bipolares

Adérito Araújo, professor universitário aderito.araujo@gmail.com

O Osso da Baleia, única praia do concelho de Pombal, foi galardoada pela Quercus com Qualidade de Ouro. Não, não foi apenas a praia pombalense a receber a distinção; só no distrito de Leiria houve mais 13. Mas é sobre ela que quero falar na minha primeira crónica de verão.

Depois de ter ficado tristemente célebre, o Osso da Baleia tem vindo a afirmar-se como um destino cada vez mais interessante, fruto de um excelente trabalho da autarquia, que tem sabido enquadrar as intervenções em infraestruturas com as mais exigentes preocupações ambientais. Em plena Mata do Urso, a praia é hoje uma referência nacional, um exemplo a seguir, aplaudida tanto por autarcas como por ambientalistas.

É tão bonito ver autarcas em sintonia com ambientalistas! O ambientalista elogia e o autarca zeloso apressa-se a dar eco do encómio. Mas se ambientalista acusa, o derriço acaba e o autarca acossado reage com impropérios. Recordo o famigerado caso do Parque Eólico da Serra do Sicó. Quando se aventou a hipótese das pás poderem prejudicar o voo dos morcegos autóctones, aqui d’el rei que nada poderia fazer parar o progresso. Nessa altura, os mesmos ambientalistas, hoje tão sensatos e justos a distinguir as nossas praias, foram apelidados de “irresponsáveis”, “fundamentalistas”, “catedráticos dos morcegos”.

São atitudes bipolares como esta que minam a credibilidade da classe política.

(texto publicado na edição em papel de 29 de junho de 2012)

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Siga-nos

Primeira Página

Publicidade

Publicidade

Pergunta da semana

A carregar

Concorda com a lei que proíbe o abate de animais nos canis municipais?

Obrigado pelo seu voto!
Já votou nesta pergunta!
Selecione uma das opções!

Região de Leiria no Facebook

Subscrição de newsletter

Share This