Assinar


Necrologia

Arnaldo Rebelo: O advogado que afrontou o BPN

Faleceu no último domingo, em Alcobaça, Arnaldo Rebelo, ex-deputado à Assembleia da República e ex-autarca na Assembleia Municipal.

Faleceu no último domingo, em Alcobaça, Arnaldo Rebelo, ex-deputado à Assembleia da República e ex-autarca na Assembleia Municipal. A Câmara de Alcobaça aprovou dois dias de luto municipal, 13 e 14, e a colocação da bandeira a meia haste.

Arnaldo Rebelo

O presidente da Câmara, Paulo Inácio, disse tratar-se de “uma perda importante para o concelho” onde Arnaldo Rebelo “deixou pergaminhos na participação cívica e política”.

Advogado de profissão, esteve nos últimos anos ligado à defesa dos clientes do Banco Português de Negócios (BPN), chegando a ganhar várias causas em tribunal. A vitória mais mediática foi no Tribunal de Aveiro, numa ação em que o BPN foi condenado a pagar 100 mil euros a uma idosa de 89 anos, que subscreveu aquela importância em papel comercial da Cimentos Nacionais e Estrangeiros, pensando que estaria a aplicar o dinheiro a prazo.

Arnaldo Rebelo contribuiu ainda para a criação da Associação Nacional de Defesa dos Direitos dos Clientes do BPN.
José Canha, presidente da Comissão Política Concelhia do PS, lamentou também a morte de “um camarada e amigo” com quem partilhou várias lutas.

Nascido a 1 de janeiro de 1954, em Meda, no distrito da Guarda, foi deputado de 1995 a 1999 pelo círculo de Leiria, pelo PS, e membro da Assembleia Municipal de Alcobaça durante vários mandatos.

Residia em Alcobaça onde decorreram as cerimónias fúnebres. O corpo seguiu depois para a Figueira da Foz, onde foi cremado.

AL

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.