Select Page

Centro de Atividades Municipais junto ao estádio é aposta da Câmara de Leiria

Centro de Atividades Municipais junto ao estádio é aposta da Câmara de Leiria

O município de Leiria prevê lançar em 2017 a obra do Centro de Atividades Municipais, um espaço multiusos a construir ao pé do estádio, na zona do atual estacionamento.

O anúncio foi feito ontem, dia 27 de outubro, pelo presidente da autarquia durante a reunião extraordinária da Câmara Municipal de Leiria, agendada para discussão e votação do Orçamento e Grandes Opções do Plano para 2017.

“Queremos avançar com esse projeto, que está a ser trabalhado para ter dignidade e podermos ter a oferta necessária para recebermos congressos e atividades desportivas de alta competição”, além de concertos, avançou Raul Castro.

O Centro de Atividades Municipais surge no plano apenas com 100 mil euros orçamentados, mas “será um investimento de valor avultado, perfeitamente justificado pelas valências que pretendemos para esta estrutura”, disse o presidente da câmara

Ainda segundo Raul Castro, a nova infraestrutura, ainda em fase de desenvolvimento de projeto e sem datas de início de obra e de conclusão previstas, permitirá a Leiria acolher eventos de uma escala que não tem sido possível realizar na cidade.

Na reunião de ontem, foi aprovado pela maioria um orçamento de 76 milhões de euros par 2017, que representa um crescimento de 7,5% em relação ao anterior.

A maior dotação orçamental destina-se à renovação das infraestruturas rodoviárias de Leiria (11 milhões de euros), a Educação conta com um investimento de 9 milhões de euros e para o meio ambiente e conservação da natureza estão contemplados 4 milhões, que incluem a construção do Jardim da Almoinha Grande e do Agrojardim das Olhalvas.

Os vereadores do PSD votaram contra, criticando a “falta de visão estratégica” do executivo para as zonas industriais do concelho, a quebra da cabimentação para o desporto e turismo e o esquecimento do Vale do Lapedo, onde foi encontrado o Menino do Lapedo, “um património histórico da humanidade”.

Os sociais-democratas apontam o dedo ainda ao atraso na construção do pavilhão multiusos e da Loja do Cidadão, bem como à manutenção das taxas de IMI e derrama.

Raul Castro retorquiu que “muitas rúbricas estão ainda com sinais de abertura”, aguardando o saldo orçamental que, calcula, “será na ordem dos 25 ou 26 ME para 2017”.

“Vamos ser avaliados no final do mandado por aquilo que fizermos ou não fizermos”, concluiu o autarca.

Centro de Atividades Municipais está previsto para o estacionamento do Estádio Municipal de Leiria

 

Responder

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Siga-nos

Primeira página

Pergunta da semana

A carregar…

Concorda com as novas limitações à plantação de eucaliptos?

Obrigado por participar!
Já respondeu a esta pergunta.
Escolha uma das opções.


O TEMPO

24° Humidity: 78%
Clouds: 1%
Wind(W): 6kph
névoa
Quinta-feira
24° 24°
Sexta-feira
31° 22°
Sábado
34° 28°
Domingo
35° 26°
Segunda-feira
32° 25°
Terça-feira
27° 20°
Quarta-feira
27° 19°

Facebook RL