Select Page

O meu diário: CGD

O meu diário: CGD
Helena Vasconcelos, médica hml.vasconcelos@gmail.com

Quando fores grande o que queres ser meu menino? Administrador da CGD! A sério?! Estás ciente que é trabalho árduo e de responsabilidade? Sim, sim tal como os dos administradores de outras empresas públicas, tais como o dos médicos, professores e juízes.

E se te enganas? E se cometes erros? Duas páginas nos jornais, três ou quatro audiências na Assembleia da República, uma algazarra nas garotas do BE e pouco mais. Estou a simplificar, mas tirando uns quantos políticos entretidos nas comissões de inquérito nada mais há a salientar. A conjuntura levou aos erros, a conjuntura impediu uma avaliação racional, os mercados são voláteis e a economia está mais na esfera da opinião do que da ciência. Está tratado, está dito. Não roubou, não traficou, apenas teve azar.

E os médicos? Para os médicos é diferente, morre gente, ou não ficam bem, ou ficam a sofrer. Mas para os médicos para além dos ditos jornais, temos os processos nos tribunais, as indemnizações avultadas e a inevitabilidade de acabar com os nervos e a carreira dos ditos. O ordenado que ganham no serviço público também é muito diferente. Querem comparar a responsabilidade de salvar uma vida? Ninharias, até dormem durante o serviço.

Não há dúvidas quando for grande quero ser administrador da CGD. A pornografia não são só corpos desnudados e despudorados, também é a conivência com estas decisões irracionais que colocam gente do estado sem balizas, sem comandos, sem donos. O que fazem as empresas privadas terá que ver com a sua saúde financeira e com a moralidade com que vêm as assimetrias sociais. Desde que paguem impostos podemos dar palpites, que são tão só exercícios de retórica e livre expressão. Mas numa empresa de serviço público a coisa pia mais fino e se querem ser descomandados, temos de fazer com que tenham alguém que lhes ponha juizinho na cabeça. Já ninguém parece ter vergonha de nada. A pergunta que se impõe é: há alguém que mande nessa gente? Há alguém que os controle, que lhes ponha limites? Senso é o que mais falta neste país, nestes governantes e nestes administradores.

Se gostávamos de ganhar assim? Então não? Por isso jogamos no euro milhões!

(Texto publicado na edição de 27 de outubro de 2016)

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Siga-nos

Primeira página

Pergunta da semana

A carregar...

Será possível acabar com o flagelo dos fogos florestais?

Obrigado por participar!
Já respondeu a esta pergunta.
Escolha uma das opções.

O TEMPO

12° Humidity: 82%
Clouds: 1%
Wind(WNW): 5kph
céu claro
Terça-feira
12° 12°
Quarta-feira
25° 18°
Quinta-feira
30° 24°
Sexta-feira
31° 27°
Sábado
33° 27°
Domingo
29° 24°
Segunda-feira
29° 22°

Facebook RL