Select Page

Narciso Mota não apoia Diogo Mateus e reafirma candidatura à Câmara de Pombal

Narciso Mota não apoia Diogo Mateus e reafirma candidatura à Câmara de Pombal

“Se apoiasse Diogo Mateus, não avançava com candidatura”, diz Narciso Mota.

Narciso Mota mantém intenção de avançar com candidatura à Câmara de Pombal

“Não há motivo nenhum para apoiar Diogo Mateus. Se apoiasse Diogo Mateus não estava num projeto para avançar com uma candidatura [à Câmara de Pombal], afirmou na tarde desta sexta-feira, Narciso Mota ao REGIÃO de LEIRIA (RL).

A declaração é feita depois de o Jornal de Leiria ter referido na quinta-feira que o antigo presidente da Câmara de Pombal, Narciso Mota, tinha votado a favor da recandidatura de Diogo Mateus à autarquia que liderou durante quase 20 anos.

Em causa, está a aprovação da estratégia nacional do partido para as autárquicas por parte da assembleia de secção do PSD de Pombal, a 25 de novembro, que, de acordo com um comunicado da concelhia, foi aprovada por “unanimidade”.

A assembleia determinou que irá seguir a estratégia nacional que aponta para uma “orientação geral de apoiar a recandidatura a um novo mandato daqueles que estejam ainda em condições de o fazer”.

Questionado pelo RL, Narciso Mota esclarece que, sendo presidente da mesa da assembleia de secção, optou por não votar. “Propus à votação e, como sou presidente da mesa, não votei”, frisa.

No entanto, caso tivesse votado, o antigo autarca sublinha que não teria votado “contra um documento”, cuja orientação estratégica usufruiu “durante 20 anos. Se votasse contra, seria tendencioso. Sou militante do PSD, disciplinado e respeitador”, salienta. Caso votasse contra “iria desrespeitar o partido e votar contra um princípio estratégico” do PSD, sublinha.

O documento foi colocado a votação a pedido do presidente da comissão política, Pedro Pimpão.

Antes da votação, Narciso Mota voltou a reafirmar que será “candidato”, com ou sem o apoio do partido. Apesar de o documento ter sido aprovado, o antigo presidente da Câmara de Pombal sublinha que quem recomenda o candidato “é a comissão política”.

“As orientações estratégicas sempre existiram”, mas o apoio a recandidaturas “nem sempre acontece”, frisa.

A comissão política do PSD de Pombal deverá reunir-se nas próximas semanas para definir qual o candidato à Câmara de Pombal que vai apoiar, mas não é garantido (apesar de muito provável) que a comissão siga a orientação definida pela assembleia de secção.

O certo é que, se o PSD seguir as linhas do partido a nível nacional, a comunicação da recandidatura de Diogo Mateus como presidente da Câmara de Pombal deverá ocorrer “preferencialmente até ao final de 2016”.

 

JG

 

Responder

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Siga-nos

Primeira página

Pergunta da semana

A carregar…

Concorda com as novas limitações à plantação de eucaliptos?

Obrigado por participar!
Já respondeu a esta pergunta.
Escolha uma das opções.


O TEMPO

18° Humidity: 93%
Clouds: 1%
Wind(NNE): 12kph
névoa
Terça-feira
18° 18°
Quarta-feira
28° 21°
Quinta-feira
31° 22°
Sexta-feira
31° 25°
Sábado
26° 21°
Domingo
27° 18°
Segunda-feira
30° 20°

Facebook RL