Select Page

Empreitada para reparar estragos em São Pedro de Moel começa na segunda-feira  

A empreitada de reparação dos estragados causados pelo rebentamento de uma conduta de água em São Pedro de Moel arranca na segunda-feira e vai durar uma semana, disse à Lusa a presidente da Câmara da Marinha Grande.

A autarquia contratou uma empresa especializada para efetuar a reparação “e repor a normalidade”, ao mesmo tempo que avançou ao longo do dia de hoje com medidas para atenuar o impacto do incidente, que provocou uma ‘cratera’ de vinte metros de extensão numa zona residencial, obrigando ao corte da circulação na rua Aníbal Bettencourt.

A presidente do município, Cidália Ferreira, disse à Lusa que a principal prioridade dos técnicos camarários ao longo do dia foi assegurar a segurança de duas residências situadas na zona onde se registou um aluimento da estrada, assente numa base de areia.

A força da água proveniente da conduta situada mais acima, na Avenida das Piscinas, provocou um desmoronamento de terras, arrastou o piso de paralelepípedos e alcatrão e destruiu passeios e muros de duas habitações, uma das quais permanente.

Ao cair da noite, e sob a orientação de um geólogo contactado pela câmara, os serviços da autarquia e alguns moradores na zona estavam a colocar proteções de plástico nos muros das residências, de maneira a evitar a infiltração das casas.

Proteções de cimento e plástico foram também colocadas no topo da rua, para tentar desviar a água da chuva e evitar mais aluimentos, que podem deixar em perigo real as duas habitações.

“As primeiras ações foram para tentar repor a normalidade possível. A partir de amanhã vamos tentar resolver definitivamente o problema”, resume a autarca.

A eletricidade já foi reposta e o abastecimento de água também. No local permanece a GNR de São Pedro de Moel.

Entretanto, foram registadas mais de uma dezena de quedas de árvores no distrito durante a tarde devido ao vento forte, informou fonte do Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Leiria. Até ao momento, não há registo de danos.

Lusa

Nota: foto de imagem do vídeo partilhado esta manhã na rede social Facebook , alertando para o aluimento de terras

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Primeira Página

Publicidade

Pergunta da Semana

A carregar

Concorda com a mudança de nome do Estádio de Alvalade para Estádio Cristiano Ronaldo?

Obrigado pelo seu voto!
Já votou nesta pergunta!
Selecione uma das opções!

Publicidade

Newsletter Região de Leiria

app repórter no mundo

Share This