A Polícia Judiciária de Leiria anunciou hoje ter detido um professor suspeito do crime de abuso sexual agravado, no contexto de violência doméstica.

Numa nota de imprensa, a PJ informa que, através do Departamento de Investigação Criminal de Leiria, deteve um homem suspeito da prática de vários crimes de abuso sexual de crianças agravado, ocorridos na zona de Leiria.

Segundo aquele órgão criminal, o arguido, um homem de 37 anos e professor do 1.º ciclo, “ao longo de vários anos e de forma reiterada terá praticado atos sexuais de relevo sobre a vítima, menor de 14 anos de idade, além de lhe ter infligido diversas agressões físicas e psicológicas”.

A PJ só agora interveio, uma vez que o conhecimento dos factos foi “recente”, tendo sido “desenvolvidas diligências investigatórias de imediato, que conduziram à localização e detenção do suspeito”, na sequência de emissão de mandado pelo Departamento de Investigação e Ação Penal de Leiria.

O arguido irá ser presente às autoridades judiciárias competentes para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Lusa