Sob a mesma tutela familiar há quase meio século, a casa mantém a qualidade vinda de fatores decisivos, como a eleição de peixe fresco, diariamente vindo da praia da Nazaré, e pelas carnes originais da Serra de Aire. Para acompanhar os diferentes vinhos disponíveis a copo, servidos no salão de estilo clássico-moderno, há presença notória de sabores regionais, com espaço diplomático para a contemporaneidade. Prova disso é o tempura de bacalhau com maionese de alho. Da ementa com inclinação internacional vem também o representante doce: bolo de chocolate quente com sorvete de tangerina.