Só de mariscada há três apresentações e, quando somadas aos especiais da casa, chegam a quase duas dezenas de receitas listadas só na parte da carta vinda do mar. Ainda assim o cardápio mais consultado pelos comensais é a montra, estrategicamente colocada no centro da sala. Dela, o robalo é o item mais pescado pelos clientes, exceto em setembro quando acontece o festival da sapateira e a estrela principal nos pratos passa a ter múltiplas patas. Em todos os outros meses, a proposta pode ser diversificada, a exemplo do surf and turf, vindo da junção de rabo de lagosta com filé mignon.