Assinar Edições Digitais
Mercado

Agricultores do Bárrio inovam para levar a horta à cidade

O projeto Dona Horta chegou a Leiria para fornecer a cidade com frutas, verduras e ervas aromáticas, sem passar pelo mercado, hipermercado ou intermediários. Os cabazes custam 7,5 e 10 euros.

Diretamente do campo para o consumidor – é o projeto Dona Horta que chegou a Leiria. Aproveitando a internet, este movimento de pequenos agricultores do Bárrio, Alcobaça, propõe fornecer a cidade com frutas, verduras e ervas aromáticas. Sem passar pelo mercado, hipermercado ou qualquer outro intermediário.

Dona Horta chegou a Leiria (fotografia: Joaquim Dâmaso)

Arménio Antunes, Carlos Malhó, José Pires, Daniel Soares e António Lopes são os produtores que dão corpo à marca Dona Horta, coordenada por Celeste Soares e Célia Madeira.

Estão a lançar a semente de um novo modelo de distribuição alimentar. Mais saudável, justo e sustentável, acreditam.

As encomendas são feitas no site, por telefone ou e-mail e eles garantem as entregas num local combinado.

Os cabazes custam 7,5 e 10 euros, conforme o tamanho. Contêm produtos da época suficientes para confecionar sopas, saladas e refeições completas durante uma semana. Tudo resultado de produção integrada (isto é, sem químicos, sempre que possível).

Ao prescindirem de intermediários, contornam as grandes superfícies e dizem conseguir oferecer melhores preços, além de reduzirem o tempo entre a colheita e o consumo.

“Esta ideia surgiu para valorizar os produtos da nossa região e para que o consumidor passasse a ter produtos frescos”, refere Daniel Soares.

Estavam com quebras de 50% nas vendas e sujeitos a receitas “que não cobrem as despesas”, dadas “as margens de lucro muito elevadas” dos intermediários, frisa Arménio Antunes.

Com o modelo Dona Horta, querem proteger a agricultura local, tradicional e sustentável. E aproximar as pessoas da terra, para que conheçam quem – e como – cultiva a comida que lhes chega à mesa todos os dias.

Como funciona

Encomendas: No site www.donahorta.com, por telefone ou via e-mail.

Cabazes: Contêm fruta, verduras e ervas aromáticas para uma semana. Tamanho médio (seis a oito variedades para uma a duas pessoas) ou grande (oito a dez variedades para três a quatro pessoas). Custam 7,5 e 10 euros. Os produtos são definidos pela Dona Horta, mas é possível substituir alguns.

Entregas: Às quintas-feiras, das 17h30 às 19h30, junto à NERLEI, em Leiria. Também em Alcobaça e no Bárrio.

(notícia publicada na edição de 20 de janeiro de 2012)

Cláudio Garcia
claudio.garcia@@regiaodeleiria.pt