Select Page

Municípios da região aderem à Hora do Planeta

Municípios da região aderem à Hora do Planeta

A iniciativa Hora do Planeta vai ser assinalada este sábado, dia 24, em vários municípios da região.

Entre as 20h30 e as 21h30 vários edifícios, alguns dos quais monumentos da região, vão apagar as luzes, de forma a consciencializar a população para a questão das alterações climáticas.

O castelo e a Torre do Relógio de Pombal, o edifício dos Paços do Concelho de Leiria são alguns dos locais a aderir à Hora do Planeta.

Em Porto de Mós, por exemplo,  o castelo estará apagado durante 60 minutos. Mas o município vai mais além e compromete-se, ainda, a reduzir em 5% o consumo de energia no edifício dos Paços do Concelho e a desligar, durante a Hora do Planeta, a iluminação pública dos centros das vilas do concelho: Porto de Mós, Mira de Aire e Juncal. Já em Alcobaça, a iluminação da fachada do Mosteiro de Alcobaça, a iluminação exterior do edifício dos Paços do Concelho e a iluminação do Jardim do Tribunal também serão desligadas.

Em Portugal, a iniciativa, promovida pela Organização Global de Conservação da Natureza WWF, que promove a ação solidária desde 2007, regista a adesão de 86 municípios portugueses. O movimento conta com a participação de mais de 180 países pelo mundo.

Entre os monumentos que se comprometeram a apagar as luzes estão o Cristo Rei, o Castelo de São Jorge, a Torre de Belém ou o Mosteiro dos Jerónimos, na região de Lisboa, o Museu do Mar, em Cascais, os castelos de Guimarães, de Silves e de Figueira de Castelo Rodrigo, o Santuário do Sameiro e do Bom Jesus (Braga), a Casa Amarela (Viseu), a Ponte D. Maria, Convento S. Francisco (Santarém) ou a Ponte D. Luiz (Porto).

A Associação Natureza Portugal WWF (ANP|WWF), defende que “é possível travar as alterações climáticas com pequenas mudanças de hábitos quotidianos, como a utilização de menos combustíveis fósseis privilegiando meios de transporte amigos do ambiente”.

No ano passado, a Hora do Planeta atingiu um recorde mundial, com 3.100 monumentos a ficarem às escuras em 187 países e territórios.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Primeira Página

Publicidade

Publicidade

Pergunta da Semana

A carregar

Concorda que avance, a curto prazo, o processo de regionalização?

Obrigado pelo seu voto!
Já votou nesta pergunta!
Selecione uma das opções!

Publicidade

Newsletter Região de Leiria

app repórter no mundo

Semana de Moldes 2018

Guia do Fim de Semana


Subscreva o nosso guia e descubra as melhores propostas culturais e de entretenimento disponíveis na região

Obrigado! Subscreveu com sucesso o nosso guia de fim de semana.

Guia do Fim de Semana


Subscreva o nosso guia e descubra as melhores propostas culturais e de entretenimento disponíveis na região

Obrigado! Subscreveu com sucesso o nosso guia de fim de semana.

Share This