São apresentados esta segunda-feira, 11 de novembro, os resultados do primeiro ano de atividade do projeto “Incredible Years”, promovido pela Fundação Calouste Gulbenkian com o objetivo de promover competências sociais nas crianças.

Para isso, o projeto procura “dotar os educadores de estratégias de gestão da sala de aula, e promover abordagens educativas proativas para incentivar o desenvolvimento de competências” nas crianças, entre as quais “adaptabilidade, autorregulação, comunicação, pensamento crítico, resiliência e resolução de problemas”.

A sessão de apresentação dos resultados decorre, a partir das 14 horas, no auditório da ESSLei – Escola Superior de Saúde de Leiria que integra o “Incredible Years” desde outubro de 2018.

O projeto foi desenvolvido em Leiria e Porto de Mós, envolvendo as autarquias, a Associação Social de Socorro Voluntário de São Jorge, e a Unidade de Cuidados na Comunidade D. Fuas Roupinho.

Intervêm na sessão Rui Pedrosa, presidente do Politécnico de Leiria, Clarisse Louro, diretora da ESSLei, Pedro Cunha, diretor adjunto do Programa Gulbenkian do Conhecimento, Filomena Gaspar, professora da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra, e Vanda Pedrosa, coordenadora da Academia do Conhecimento Gulbenkian da ESSLei.

O programa completo pode ser consultado aqui.