Foi um jovem praticante de “bodyboard” a motivar a ação de salvamento, ontem na Praia de Paredes de Vitória, concelho de Alcobaça.

O REGIÃO DE LEIRIA noticiou ontem que duas pessoas foram resgatadas do mar naquela praia. A Autoridade Marítima Nacional revelou hoje detalhes sobre a situação que envolveu o transporte para o hospital de duas pessoas, mas em que, afinal, apenas uma teve de ser resgatada do mar.

Pelas 13h38, revela nota da Autoridade Marítima, o Comando-local da Polícia Marítima da Nazaré recebeu um alerta do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) Leiria, “indicando que um banhista se encontrava em dificuldades na praia de Paredes da Vitória”.

O Capitão do Porto e Comandante-local da Polícia Marítima da Nazaré “ativou de imediato uma embarcação semirrígida da Estação Salva-vidas da Nazaré para o local, enquanto uma patrulha da Polícia Marítima se deslocou por terra”, explica a mesma nota.

Um jovem de 20 anos, de nacionalidade brasileiro foi resgatado com vida, “encontrando-se livre de perigo”. “O resgate foi efetuado com ajuda de um nadador-salvador que se encontrava na praia em lazer”, refere a Autoridade Marítima.

O jovem foi depois transportado para o Hospital de Leiria para observação. Uma segunda pessoa foi hospitalizada, mas não for resgatada do mar: trata-se da “esposa da vítima, grávida de cinco meses” que também “foi transportada para o hospital devido ao estado de ansiedade em que se encontrava”.

Na operação de resgate estiveram envolvidos a Polícia Marítima, o Instituto de Socorros a Náufragos e os Bombeiros Voluntários de Pataias.