Assinar


Caldas da Rainha

Caldas da Rainha lança roteiro virtual com Bordalo Pinheiro a visitar locais emblemáticos

A visita é guiada por Bordalo Pinheiro, recriado pelo ator José Ramalho.

foto de interior da fábrica bordalo pinheiro

A Câmara das Caldas da Rainha lançou hoje um roteiro turístico virtual em que Rafael Bordalo Pinheiro leva os turistas numa visita guiada aos principais locais históricos e turístico da cidade.

O “Roteiro 360º” foi apresentado hoje pelo vereador do Turismo da Câmara das Caldas da Rainha, Hugo Oliveira, como “uma das propostas de inovação integradas na estratégia turística do concelho”.

O projeto, que está a partir de agora online na página do Turismo do Centro, traduz-se numa visita virtual que “traz ao visitante a possibilidade de, a partir do seu computador, entrar na cidade das Caldas da Rainha [no distrito de Leiria] e conhecer mais para além do que vê”, afirmou o vereador.

Composto por fotografias panorâmicas de 360º, o roteiro “possibilita a recriação visual da cidade, passando pelo coração do centro histórico e pelos principais pontos históricos e culturais que fazem das Caldas uma cidade criativa”, explicou Hugo Oliveira.

Vinte e três fotografias panorâmicas levam o visitante “a 63 pontos de interesse, numa experiência mais interativa, mais imersiva e mais cativante para o utilizador”, acrescentou, sublinhando que a viagem é “guiada por [Rafael] Bordalo Pinheiro”, recriado pelo ator José Ramalho.

Em três vídeos, o ator veste a pele do artista e ceramista que desenvolveu vasta obra nas Caldas da Rainha para narrar a história de locais emblemáticos como a Praça da Fruta (um mercado diário, a céu aberto, considerado um ex-líbris turístico da cidade), o Parque D. Carlos I e o Hospital Termal das Caldas da Rainha, um dos mais antigos do mundo.

O roteiro, financiado pelo Turismo do Centro, integra-se na “Estratégia Turística para as Caldas da Rainha”, apresentada na mesma sessão pelo vereador que defende para o território “um turismo em família” e, simultaneamente, “um turismo sustentável inclusivo, criativo, consciente e regenerativo”, ou seja, “aquele que vai uma etapa à frente da sustentabilidade”.

A aposta da autarquia para alavancar o turismo na fase pós pandemia de covid-19 passa pela garantia de “oferecer um turismo seguro”, a par, segundo Hugo Oliveira, com a “intensificação da oferta ao nível do património termal, inigualável no mundo”.

A estratégia passa ainda por afirma as Caldas da Rainha como destino ao nível do turismo gastronómico, como Cidade Criativa da Unesco na componente de Artesanato e Artes Populares e, finalmente, como “uma cidade na vanguarda da inteligência urbana”.

Nesse sentido, anunciou o autarca, “o município pretende continuar a implementar uma série de iniciativas”, entre as quais a criação de “uma central de Inteligência Urbana [CIU]”, entendida como “um pilar fundamental para a estratégia de ‘smart city’” que a autarquia está a desenvolver.

O VII Fórum de Turismo Interno “Vê Portugal” decorre até ao final do dia de hoje no Centro Cultural e de Congressos (CCC) das Caldas da Rainha.

Organizado pelo Turismo do Centro, o fórum conta com mais de 600 pessoas inscritas e a colaboração de palestrantes nacionais e internacionais que debatem questões relacionadas com o turismo interno.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.