Assinar
Figueiró dos Vinhos

Suspeito de atear fogo florestal em Figueiró dos Vinhos fica em prisão preventiva

“Ardeu uma extensão de quinhentos metros quadrados de área florestal, próxima de habitações, que só não foram afetadas devido à rápida intervenção dos meios de combate a incêndios”, refere o Ministério Público

Um homem de 57 anos é o suspeito da autoria do fogo que, há uma semana, deflagrou em Figueiró dos Vinhos, numa área florestal, junto a uma zona com habitações. Detido, o homem está em prisão preventiva.

As autoridades identificaram o suspeito, anteriormente já condenado a pena de prisão, que cumpriu, pela “prática de diversos crimes de incêndio”, avança o Ministério Público (MP).

Em nota publicada esta terça-feira, o MP da Comarca de Leiria adianta que o homem, de 57 anos, indiciado da prática de um crime de incêndio florestal, foi já presente a primeiro interrogatório judicial.

Os factos, adianta o MP, ocorreram dia 13 de julho, na “zona de Figueiró dos Vinhos”.

De acordo com a nota hoje divulgada, “existem fortes indícios de o arguido ter juntado, na berma de uma estrada, em zona florestal, um amontoado de carqueja e vegetação seca, ao qual ateou fogo com um fósforo”. A ação do vento fez com que as chamas se propagassem “em direção à área florestal envolvente”.

No local, “ardeu uma extensão de quinhentos metros quadrados de área florestal, próxima de habitações, que só não foram afetadas devido à rápida intervenção dos meios de combate a incêndios”, adianta ainda o MP.

Dia 15, presente a tribunal, foi determinado que o arguido aguarde o desenrolar do processo sujeito a prisão preventiva.

A investigação prossegue sob a direção do Ministério Público da 1ª Secção do Departamento de Investigação e Ação Penal de Leiria, com a coadjuvação da Diretoria do Centro da Polícia Judiciária.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.