Assinar
Sociedade Exclusivo

Memórias consumidas pelo fogo numa história que podia ter sido escrita por Dante

Vento, calor e fogo juntaram-se numa tempestade perfeita que fustigou casas, matou animais, dizimou terrenos e causou inúmeros danos materiais, muitos deles irrecuperáveis. É este o cenário dantesco que se vive em várias aldeias de Pombal, Ansião e Alvaiázere.

Fernando Agostinho viu arder o telhado da casa onde vive, em Lagoa das Ceiras, Pombal Joaquim Dâmaso

Na casa de Fernando Agostinho, na Lagoa das Ceiras, em Pombal, as memórias de infância dos filhos foram consumidas pelas chamas. Ardeu o sótão, onde a família guardava roupas, livros, fichas da escola e muitos outros artigos. Sobraram apenas telhas partidas e algumas vigas que suportavam o telhado.

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos relacionados

Subscreva!

Newsletters RL

Saber mais

Ao subscrever está a indicar que leu e compreendeu a nossa Política de Privacidade e Termos de uso.

Artigos de opinião relacionados