Assinar
Cultura Exclusivo

Aos 149 anos SAMP é exemplo “para Leiria, para a região e para o país”

Nesta quinta-feira, sem receio da chuva, a Sociedade Artística Musical dos Pousos faz a festa celebrando o passado, refletindo o presente e projetando o futuro.

Bem cedo, nesta quinta-feira, houve hastear da bandeira e o hino da SAMP foi interpretado pela filarmónica à porta da sede nos Pousos SAMP

Festejar 149 anos é ingrato porque, como lembrou o flautista André Loureiro no final da sessão solene desta manhã, “já está tudo a pensar nos 150”. Mas em dia de aniversário, a Sociedade Musical e Artística dos Pousos (SAMP) festejou o quase século e meio de vida com um dia intenso, lembrando os músicos já falecidos, recordando as conquistas recentes, relançando a primeira pedra do futuro Auditório dos Pousos, fazendo autocrítica e recebendo elogios. Para esta tarde de quinta-feira, 8 de dezembro, a comemoração mete música – claro -, com concerto no Teatro José Lúcio da Silva.

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos relacionados

Subscreva!

Newsletters RL

Saber mais

Ao subscrever está a indicar que leu e compreendeu a nossa Política de Privacidade e Termos de uso.

Artigos de opinião relacionados