Assinar Edições Digitais
Rosto de Cristina Barros

Cristina Barros

Empresária

O confinamento intensificou a cumplicidade familiar

“Esta pandemia veio demonstrar que estamos todos interconectados e que ninguém está imune a esta guerra”, afirma Cristina Barros no balanço que faz de 2020

Positivo

Um ano extraordinário a nível profissional e de comunhão familiar.
Foi um ano de mudança profissional com um foco a 100% nas empresas e com a pandemia surgiram novos modus operandi, projetos, desafios, mercados e clientes. Crescemos como equipa e organização, com resiliência e inovação. 
O confinamento intensificou a cumplicidade familiar e descobrimos novas formas de estar, brincar e de dividir tarefas.
Um ano de vida “ao quadrado” com o nascimento dos meus sobrinhos gémeos.

Negativo

Um ano marcado pela morte e isolamento.
Começámos 2020 da pior forma com a perda de um familiar muito próximo e a saudade invade-nos todos os dias, com lembranças maravilhosas.
Foi muito difícil estar longe dos meus pais e não ter podido visitar a minha mãe que esteve dois meses internada.
O afastamento social, a falta do abraço, as viagens em família, as festas de anos dos miúdos, e muitos outros momentos bons que não se realizaram ou foram adaptados.

O que não podemos esquecer

“O mundo é global.”
Esta pandemia veio demonstrar que estamos todos interconectados e que ninguém está imune a esta guerra, que só vamos conseguir vencer com civismo, respeito e fortes investimentos na investigação, saúde e educação.
As armas são hoje a ciência, o combate à iliteracia, a adoção de bons hábitos alimentares e de vida, o acesso a cuidados de saúde, às tecnologias e a informação credível, a resiliência dos povos e a sua capacidade de reinvenção e superação.