Assinar
Sociedade

Deputado questiona EDP sobre corte de electricidade

O deputado do PS eleito por Leiria, João Paulo Pedrosa, vai pedir esclarecimentos à EDP sobre o corte de eletricidade que afetou alguns concelhos do distrito no domingo, uma situação que classifica como “inadmissível”.

O deputado do PS eleito por Leiria, João Paulo Pedrosa, vai pedir esclarecimentos à EDP sobre o corte de eletricidade que afetou alguns concelhos do distrito no domingo, uma situação que classifica como “inadmissível”.

Em comunicado, a federação socialista, presidida por João Paulo Pedrosa, sustenta que a interrupção no fornecimento de energia se prolongou “por mais de 24 horas em muitas freguesias do distrito”, tendo sido “muito penalizado” com a situação o concelho da Marinha Grande.

“Segundo informação que foi recolhida, mais de 20 000 pessoas, só neste concelho, estiveram privadas de luz elétrica mais de 24 horas, situação que neste momento ainda não está totalmente assegurada”, refere o comunicado.

Citado no documento, o parlamentar afirma ser “inadmissível que, nos tempos de hoje, a EDP garanta um tão mau serviço aos cidadãos”, adiantando que “às primeiras chuvas ou ao primeiro sopro do vento é frequente estas populações ficarem sem luz elétrica”.

“Mas, mais grave ainda, é demorarem mais de 24 horas para procurarem solucionar os problemas, causando avultados prejuízos às famílias e à economia local”, acrescenta João Paulo Pedrosa, salientando que o concelho da Marinha Grande é “fortemente industrializado e com uma vertente turística muito assinalável e que, por essa circunstância, não pode estar à mercê deste tipo de atitudes negligentes e irresponsáveis por parte desta empresa”.

O deputado faz saber que pretende conhecer as soluções estão a ser pensadas para eliminar definitivamente este problema e exorta “todos os cidadãos e todas as empresas a fazerem-se ressarcir dos prejuízos causados”.

João Paulo Pedrosa pede ainda aos poderes públicos para protestarem, junto da empresa, “exigindo que esta preste uma qualidade de serviço, pelo menos, equivalente ao preço que cobra a cada um”.

O mau tempo que assolou no domingo o país fez com que cerca de 40 000 clientes da EDP Distribuição ficassem sem energia nas zonas de Leiria, Caldas da Rainha e Torres Novas na sequência de avarias na rede elétrica.

“Tivemos um pico de 40 000 clientes sem eletricidade à hora do almoço”, afirmou à agência Lusa Maria Antónia Fonseca, do gabinete de comunicação da EDP Distribuição, referindo que pelas 19:00 a situação atingia apenas 10 000 clientes.

Segundo a responsável, o corte no abastecimento de eletricidade decorreu de “uma situação de mau tempo, não só nesta região, mas noutras do país, como a norte, que foi sobretudo grave ao início da manhã e por volta da hora do almoço” e obrigou a empresa a ativar “o plano de atuação em regime perturbado”.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.