Assinar Edições Digitais
Sociedade

ICNB alerta população de Fátima para coimas por plantação de espécies invasoras

O Instituto de Conservação da Natureza e da Biodiversidade (ICNB) lançou um alerta à população da freguesia de Fátima, sobre a ilegalidade da plantação de espécies não indígenas ou invasoras no Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros (PNSAC).

O Instituto de Conservação da Natureza e da Biodiversidade (ICNB) lançou um alerta à população da freguesia de Fátima, sobre a ilegalidade da plantação de espécies não indígenas ou invasoras no Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros (PNSAC).

As coimas podem atingir os 2,5 milhões euros. O documento refere que na sequência de uma ação de fiscalização dentro da área do PNSAC verificou-se “mobilizações de solo em diversas parcelas de terreno contíguas a áreas de eucaliptal”.

O ICNB esclarece que estes atos constituem contraordenação com coimas cujo valor depende da natureza do ato (negligência ou dolo) e se foi praticado por pessoa singular ou coletiva.