Assinar Edições Digitais


Sociedade

80 mil pessoas esperadas na festa de passagem de ano da Nazaré

A Câmara da Nazaré espera mais um “mar de gente” na última noite do ano, e a proteção civil reuniu-se já para definir algumas das regras de trânsito, segurança e funcionamento dos serviços de saúde.

A Câmara da Nazaré espera mais um “mar de gente” na última noite do ano, e a proteção civil reuniu-se já para definir algumas das regras de trânsito, segurança e funcionamento dos serviços de saúde.

80 mil pessoas é o número de visitantes esperados para a passagem de ano da Nazaré, uma festa que mantém o figurino de anos anteriores com três palcos na Marginal e outro no Sítio, com música para todos os gostos.

A festa começou ontem, sexta-feira, com o figurino idêntico a anos anteriores: três palcos com música diferenciada ao longo da marginal, a projeção na parede do promontório com um relógio a marcar a passagem do ano, e o fogo de artifício à meia-noite do dia 31 para o dia 1. A música estende-se ao Sítio onde desde há anos é também montado um palco no largo Nossa Senhora da Nazaré.

“Oitenta mil pessoas é o número de visitantes que a autarquia espera receber para a festa da passagem de ano”, disse o presidente do executivo, Jorge Barroso, garantindo que “todos serão bem recebidos”.

Os meios e a sua articulação a disponibilizar são semelhantes aos de anos anteriores e, além do apoio dos organismos e instituições que integram a proteção civil, a Cruz Vermelha Portuguesa vai montar uma tenda de primeiros socorros junto ao Centro de Saúde, numa parceria entre os serviços de saúde e aquela entidade.

O trânsito sofre também algumas alterações com o fecho de algumas ruas ao tráfego automóvel e a criação de corredores de emergência para os bombeiros e forças de segurança.

(Notícia publicada na edição de 21 de dezembro de 2012)

Artur Ledesma
artur.ledesma@regiaodeleiria.pt