Assinar Edições Digitais
Oxigénio

Rosa albardeira mais fácil de avistar entre São Bento e Alvados

Na próxima primavera, quando a rosa albardeira voltar a florir, vai tornar-se mais fácil apreciar este espetáculo da natureza, no Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros.

Na próxima primavera, quando a rosa albardeira voltar a florir, vai tornar-se mais fácil apreciar este espetáculo da natureza. Quem conhece os cantos ao Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros, aponta a Estrada do Patelo, entre São Bento e Alvados, em Porto de Mós, como um dos locais privilegiados para observar aquela flor que atrai muitos curiosos.

62b9c3968e3108e122cc4e0a59d1164c_largeTrata-se de um caminho íngreme e de difícil acesso. Contudo, vários moradores da zona, com o apoio das Juntas de São Bento e Alvados, avançaram com a requalificação da “sinuosa e peculiar “Estrada do Patelo” que une estas duas freguesias”, explica a Junta de São Bento.

De acordo com os dados avançados por aquela autarquia, os trabalhos decorreram dia 20 de julho e “reuniram-se mais de 20 homens com 12 máquinas para fazer face ao desafio”.

O trabalho foi feito numa só manhã, mas o certo é que a estrada está agora em melhores condições para quem a utiliza frequentemente. E também para quem só aí se aventura para observar a rosa albardeira.É certo que apenas floresce durante algumas semanas na primavera, mas em 2014 será mais fácil de avistar, nas apertadas e difíceis curvas do Patelo.

Afinal, é nesse local que aquela flor encontra o que prefere para florir: um local pedregoso e sombrio.

(Notícia publicada na edição de 22 de agosto de 2013)