Assinar
Cantinho dos Bichos

Obedientes, ágeis, corajosos mas sobretudo sociáveis

Modalidade de mondioring apura os cães mais aptos física e psicologicamente, assim como avalia a capacidade dos treinadores. Em Leiria há seis binómios a praticar

Para o homem é uma competição, mas para os cães trata-se de uma brincadeira. No mondioring, as canas de bambu, churros, fitas e obstáculos no meio do caminho servem para tornar a atividade divertida e só assim o animal vai progredir.

Foto: MG
Foto: MG

Frederico António não se cansa em repetir: “O cão não é treinado para morder. Faz um conjunto de exercícios e, no fundo, todo o treino é uma brincadeira para ele. Por exemplo, o churro é como se fosse um prémio”.

A modalidade canina surgiu nos anos 1980 a partir das provas de seleção de cães para a polícia. Foi adaptada e, hoje em dia, permite selecionar os cães mais aptos física e psicologicamente a nível mundial, para posteriormente servirem como reprodutores da raça.

Pastor belga, pastor alemão, pastor de Beauce e pastor de Brie são as raças mais utilizadas. “São animais que têm maior apetência e que aguentam melhor a pressão dos treinos e dos exercícios. Além disso têm que estar aptos segundo o teste de sociabilidade, realizado pelo Clube Português de Canicultura. Se não estiverem, não podem competir”, explica Frederico António, elemento de uma das duplas e responsável da Canisport, enumerando as características que são fundamentais: obediência, agilidade, coragem e sociabilidade.

Foto: Teresa Sousa
Foto: Teresa Sousa

Em prova os cães têm que executar exercícios de obediência, saltos e provas de coragem (ver caixa), pelo que devem ser animais robustos, com grande resistência à fadiga e calor, forte capacidade de impulsão e elasticidade, e simultaneamente uma atitude tranquila face às provocações a que são sujeitos.

Em Leiria há seis binómios (homem-cão, pastor alemão e pastor belga) que treinam mondioring e pretendem entrar em competições no início de 2015. “Por agora a formação, quer dos donos, quer dos cães, é o mais importante. Se estivermos preparados, vamos participar em algumas provas”, esclarece Frederico António.

 

 

Provas são compostas por três exercícios

IMG_0369

Obediência O cão tem de executar exercícios de recusa de alimento, andar ao lado sem trela, ficar deitado sobre distrações, executar posições à distância, ir buscar um objeto e trazer, …

IMG_0080

Saltos Efetuar um salto vertical de ida e volta (1 metro a 1,20 metros), um salto em comprimento (3 a 4 metros) e transposição de uma paliçada (parede vertical lisa)

 

IMG_0271Prova de coragem Exercícios de defesa do dono, guarda de objeto, ataque frontal com bastão (cana bambu), ataque em fuga com disparos, ataque interrompido, ataque com acessórios, ataque com obstáculos, procura e escolta de malfeitor

Marina Guerra
marina.guerra@regiaodeleiria.pt

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.