Select Page

Troféu do Festival da Canção foi produzido em Alcobaça pela Vista Alegre

O vencedor do Festival da Canção 2018 vai levar para casa um microfone de cristal com uma decoração a ouro, que mede 30 centímetros de altura, pesa cerca de 3,5 quilos e que foi produzido na fábrica de cristal e vidro da Vista Alegre em Casal da Areia, concelho de Alcobaça.

O troféu será entregue ao sucessor de Salvador Sobral na final do concurso, agendada para o próximo domingo, dia 4, no Pavilhão Multiusos de Guimarães.

A RTP, organizadora do evento, convidou a Vista Alegre a desenvolver um troféu exclusivo, com o único requisito de que representasse um microfone de estúdio/gravação. “A abordagem do designer foi criar um troféu que resultasse de uma simbiose dos elementos técnicos determinantes desse tipo de microfone com o cristal, matéria nobre, pura e transparente que a torna única”, explicou a marca, que produz porcelana, cristal, louça de forno, faiança e vidro manual. A decoração feita a ouro reforçou “a ideia de prémio” e enalteceu “este troféu de forma singular”.

O processo de fabrico da peça é “todo manual”, iniciando-se na zona quente da fábrica, “onde o vidreiro colhe o cristal do forno, com a ajuda da cana, e faz blocos maciços de cristal”. Estes blocos seguem para a secção de escultura, onde, “após muitas horas de trabalho de desgaste com rodas diamantadas, se chega à forma final das peças”. Posteriormente, seguem para “um banho de ácido de modo a recuperarem todo o brilho inerente ao cristal”.

A gravação dos logótipos da RTP, do Festival da Canção e ainda da inscrição “Canção Vencedora” é o próximo passo, sendo que nessa última secção grava-se uma “trama na parte superior da peça que imita a grelha dos microfones” e “o processo de gravação é feito a jato de areia com ajuda de écrans”. Os troféus são depois decorados com pintura manual a ouro.

Para a antiga Atlantis, detida pelo Grupo Visabeira, esta parceria “é muito prestigiante para a marca”, tendo “a oportunidade de dar a conhecer as suas capacidades para produzir peças exclusivas, únicas e originais”. Além de um primeiro protótipo, estão a ser executados dez troféus para a RTP, com design de Bruno Escoval e escultura de Luís Vicente.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Siga-nos

Primeira Página

Semana de Moldes 2018

Publicidade

Pergunta da semana

A carregar

Concorda com a criação de um imposto para financiar a Proteção Civil?

Obrigado pelo seu voto!
Já votou nesta pergunta!
Selecione uma das opções!

Share This