Assinar
Leiria

Construção do jardim da Almuinha Grande já começou

Os trabalhos para a construção do jardim da Almuinha Grande, entre a urbanização Nova Leiria e o rio Lis, em Leiria, já começaram. A obra tem um prazo de execução de um ano.

As obras, que representam um investimento de 2,1 milhões de euros, deverão ser executadas no prazo de um ano 

Já começaram os trabalhos e instalação do estaleiro para a construção do jardim da Almuinha Grande, entre a urbanização Nova Leiria e o rio Lis, em Leiria.

O espaço foi parcialmente vedado para que os trabalhos possam começar junto à ponte Euro 2004, enquanto decorrer a Feira de Maio, permitindo ainda que o Mercado do Levante possa decorrer na margem direita do rio Lis até ao início do mês de junho.

A empreitada representa um investimento de 2,1 milhões de euros, sendo comparticipado em 85%  por fundos comunitários no âmbito de uma candidatura ao Programa Operacional Regional do Centro.

A obra foi adjudicada à Construções Pragosa e deverá demorar cerca de um ano a ser executada. 

Além de uma grande clareira – com cerca de 23 mil metros quadrados, o projeto, a implantar numa área com 5,83 hectares, prevê a plantação de mais de meio milhar de árvores e cerca de 1.900 arbustos, a reabilitação da ribeira do Amparo, um espelho de água, um anfiteatro ao ar livre, um miradouro, um parque infantil, uma ludoteca e a continuidade de percursos pedestres ao longo do rio Lis.

Entre o parque verde e a avenida 22 de Maio, que limita a urbanização da Nova Leiria, será prolongada a faixa de estacionamento que nasce junto ao edifício da Cooperativa Agrícola, num “grande passeio público arborizado” com 23 metros de largura.

De acordo com o projeto, assinado pelo arquiteto Rui Ribeiro, essa zona, que terá cerca de 7 mil m2 e está dimensionada para 300 lugares de estacionamento, servirá também para acolher o Mercado de Levante. Já o parque terá capacidade para “o desenvolvimento de atividades de lazer, atividade física, eventos, pequenas feiras, festas e concertos”, estando garantidas “as acessibilidades a pessoas com mobilidade reduzida ou condicionada”.

Os trabalhos vão começar junto à Ponte 2004 

A área de implantação do jardim tem 5,83 hectares 

Martine Rainho
Jornalista
martine.rainho@regiaodeleiria.pt

Fernando Rodrigues
(Fotografia)

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.