Assinar Edições Digitais
Leiria

Roda gigante, concertos gratuitos e Pinhal de Leiria marcam Feira de Maio

É sob a égide do Pinhal do Rei, de uma roda gigante e espetáculos musicais gratuitos que a Feira de Maio abriu portas esta tarde (sábado) no local do costume, junto ao estádio, apesar da chuva.

É sob a égide do Pinhal do Rei, de uma roda gigante e de um programa recheado de espetáculos musicais gratuitos que a Feira de Maio abriu portas esta tarde (sábado) no local do costume, junto ao estádio.

A roda gigante, com 32 metros de altura, chega este ano como um dos grandes atrativos do certame, que a Câmara apresenta como “o maior parque de diversões de toda a região” agora chamada de “Feira de Leiria – Tradicional Feira de Maio”.

Já os concertos gratuitos, protagonizados por bandas e músicos portugueses, terão lugar no palco montado na tenda gigante que alberga a Praça da Gastronomia. O Pinhal de Leiria inspirou a decoração do espaço (este ano com uma área de 2.800m2), enquanto o recinto da feira contará com 150 árvores de porte gigante. Quim Barreiros, Legendary Tigerman, Banda Kroll, Apartirtudo e os Farratuga estão entre os nomes principais do cartaz.

A abertura do certame, às 15 horas, marcou o arranque das festas da cidade, estando previsto, às 21h30, um espetáculo de fogo de artifício.

A dinamização da Praça da Gastronomia com serviço de restauração e maior oferta de pratos típicos de Leiria está a cargo de 17 associações e juntas de freguesia do concelho que encontram ali uma oportunidade de angariar fundos para o desenvolvimento das suas atividades e projetos.

Entre os equipamentos de diversão, destacam-se, além da roda gigante, outras novidades como o “Polvo”, Breack Dance e Aqua Bola XXL e os já conhecidos pistas de carros de choque, New Kanguru Louco, Mega Dance, Matterhon, The King, Mega Transformer, mini montanha russa”Lagarta”, Rodeo, Telecombate no Espaço, Chicote, simulador, Pirata das caraíbas, Trem Mistério, Euro Rally, Mini Troll Mundial, Mini Patrick, Motonáutica infantil, Babylândia, Twister, Cangurito, Hurricane e Maxi Jumping XXL.

As farturas, churros, algodão doce e pipocas são outros atrativos para os visitantes, que podem ainda visitar várias exposições – atividades económicas, automóveis e máquinas agrícolas -, mostra de artesanato e doçaria, stands de venda, bem como conhecer o trabalho desenvolvido por diversas instituições de solidariedade social do concelho.

Um posto de atendimento para apoio ao visitante, um espaço para a PSP na entrada das “Portas da cidade” e uma “Praça de acolhimento” são outras novidades do certame, cujo mapa foi redesenhado.

Enquanto durar o evento, e porque o terreno onde vai nascer o jardim da Almuinha Grande foi parcialmente vedado, a Câmara irá abrir gratuitamente o parque da Fonte Quente para estacionamento aos fins de semana, até ao dia 27 de maio e nos feriados de 1 e 22 de maio.

 

(Notícia publicada na edição de 27 de abril de 2018 e editada)

Música no palco

28 de abril
22h00 – Festival de Folclore

29 de abril
15h00 – Grupo de Cantares
16h00 – Rosinha

1 de maio
15h00 – Festival de Filarmónicas
17h00 – Wega Band

4 de maio
22h00 – Átoa

5 de maio
21h00 – Rock School
22h00 – Dillaz

6 de maio
14h00 – Programa “Somos Portugal” – TVI

11 de maio
22h00 – Banda Kroll

12 de maio
21h00 – Apartirtudo
22h45 – Legendary Tigerman

13 de maio
15h00 – Ruca
18h00 – Escola de Concertinas e acordeão Carlos Barbosa

22 de maio
14h30 – Farratuga
16h30 – Quim Barreiros
18h00– João Miguel

25 de maio
21h00 – Grupo de Bombos  Sé Pedra
21h30 – Seiva

26 de maio
16h00 – Gadilus Medieval
18h30 – Som d’Aço
21h30 – Café Central

27 de maio
15h00 – Banda Filarmónica da SAMP
16h00 – Grupo de Laroinas
16h00/21h00 – Kopinxas (animação de rua)
17h15 – Pinhal d’El Rei