Select Page

Grupo Antunes compra e muda Farmácia Avenida de local

A Farmácia Avenida vai mudar para o antiga loja da Caiado 

O Grupo Antunes adquiriu em dezembro a Farmácia Avenida, no centro de Leiria, cujas instalações vão ser transferidas até final de abril para a antiga loja da empresa Caiado, na rua de São Francisco.

Segundo António Antunes, fundador e administrador do grupo, a aquisição “tem a ver com a estratégia de expansão” da empresa e a zona da avenida Heróis de Angola “estar mal servida de serviços farmacêuticos”.

As negociações entre o Grupo Antunes e os proprietários da Farmácia Avenida começaram há cerca de um ano e concretizaram-se em dezembro passado. Sobre novas aquisições, António Antunes refere que a “estratégia será [definida] caso a caso, consoante as oportunidades que surjam”.

Quanto à mudança de instalações, o administrador explica que “a loja atual não tem as condições ideais – devido à área e acessibilidade reduzidas – para o bom funcionamento da farmácia enquanto prestadora de serviços de saúde à população”.

Por outro lado, “o centro de Leiria (avenida e zona envolvente) é um ex-libris da cidade, apesar de se encontrar algo degradado”. “Com este projeto dou o meu contributo à sua dinamização, no seguimento das apostas efetuadas pela câmara com o projeto Polis e pelos promotores da Moagem, não esquecendo que o cruzamento do fim da avenida com o Maringá é a zona de maior circulação de pessoas”, adianta.

Na sua perspetiva, acresce ainda que “o novo local tem mais facilidade de estacionamento, devido aos lugares de parqueamento em frente à farmácia e aos estacionamentos adjacentes ao Maringá e à Fonte Quente, oferecendo este 30 minutos grátis, ambos muito próximos da nova loja. Não deixará de ser a farmácia “da Avenida” apesar de se deslocalizar para uma rua lateral”.

O Grupo Antunes prevê que a inauguração da nova loja aconteça “até 30 de abril”, após um investimento que ronda o meio milhão de euros. No que respeita ao quadro de pessoal, atualmente constituído por cinco colaboradores, “vai sofrer grandes alterações”.

Quanto à situação atual, a nível nacional, do sector das farmácias, António Antunes considera que, “em termos gerais, encontram-se no mesmo estado em que ficaram após o início da crise que atravessaram a partir de 2010/2011, quer do ponto de vista legal, quer relativamente à entrada do mercado de genéricos, quer no que toca à crise mundial, ou seja, não houve melhorias”.

“Neste momento, só se conseguem manter as farmácias pertencentes a grupos que consigam atingir algum volume de negócios, quer com a dispensa de medicamentos e produtos de saúde, quer com a prestação de cuidados de saúde à população”, explica.

O Grupo Antunes, cujo volume de negócios ronda os sete milhões de euros anuais, é constituído por sete farmácias, situadas em Leiria, Santarém, Figueira da Foz e Lourinhã.

Carlos Ferreira
Jornalista
redacao@regiaodeleiria.pt

Mantêm-se as farmácias pertencentes a grupos que consigam atingir algum volume de negócios, quer com a dispensa de medicamentos e produtos de saúde, quer com a prestação de cuidados de saúde”

António Antunes

Administrador do Grupo Antunes

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Primeira Página

Publicidade

Pergunta da Semana

A carregar

A Câmara de Leiria deve transferir, a partir de 2020, a Feira de Maio para uma nova localização?

Obrigado pelo seu voto!
Já votou nesta pergunta!
Selecione uma das opções!

Newsletter Região de Leiria

app repórter no mundo

Guia do Fim de Semana


Subscreva o nosso guia e descubra as melhores propostas culturais e de entretenimento disponíveis na região

Obrigado! Subscreveu com sucesso o nosso guia de fim de semana.

Guia do Fim de Semana


Subscreva o nosso guia e descubra as melhores propostas culturais e de entretenimento disponíveis na região

Obrigado! Subscreveu com sucesso o nosso guia de fim de semana.

Share This