O circuito mundial de surf vai passar por Peniche em 2020, o que acontece pela 12.ª vez consecutiva no quadro masculino, e pelo segundo ano seguido no campeonato feminino, anunciou a Liga Mundial de Surf (WSL).

No que toca aos homens, a etapa na Praia dos Supertubos, em Peniche, no circuito desde 2009, vai ser novamente a 10.ª e penúltima etapa do campeonato da elite mundial, que termina no Havai, com o Billabong Pipe Masters, entre 8 e 20 de dezembro.

Já entre as mulheres, a prova portuguesa é igualmente a penúltima do ano, mas é a nona do circuito, já que não é disputada a etapa na Polinésia Francesa.

A única novidade em termos do calendário de 2020 face a este ano é a troca da etapa em Bali pela de Java (Praia de Plengkung, também conhecida por G-Land), ambas na Indonésia.

A edição deste ano foi ganha por Ítalo Ferreira, vencendo na final o sul-africano Jordy Smith.

Esta foi a segunda vitória consecutiva do surfista brasileiro na praia de Supertubos, valendo-lhe a liderança do ranking mundial, antes da última etapa do ano, no Havai, em dezembro. Terminou a final com 18,43 pontos, tendo inclusivamente conseguido uma nota perfeita (10 pontos).

Na competição feminina em Penice, a norte-americana Caroline Marks, de apenas 17 anos, venceu na final a compatriota Lakey Peterson.

Lusa