O crime resultou num prejuízo superior a 100 mil euros, dos quais cerca de 45 mil foram recuperados Foto: GNR

A Guarda Nacional Republicana (GNR) identificou dois homens suspeitos do furto a uma residência, em Alvorinha, no concelho das Caldas da Rainha, que resultou num prejuízo superior a 100 mil euros, dos quais cerca de 45 mil foram recuperados.

O furto teve lugar na quarta-feira passada, 12, e os suspeitos foram identificados na quinta, 13, e na sexta-feira, 14, por militares do Núcleo de Investigação Criminal de Caldas Rainha.

Na altura, foram recuperados “dois quadriciclos, um capacete e uma mochila, que se encontravam abandonados num terreno baldio, em Óbidos”, explicou a GNR num comunicado emitido esta segunda-feira, 17.

Os militares realizaram ainda quatro buscas, três em veículos e uma em residência, nas Caldas da Rainha, das quais resultou a recuperação de 43.685 euros em numerário e 1.800 euros em artigos adquiridos com o produto do furto.

O alegados autores do furto têm 20 e 21 anos e um deles tem antecedentes criminais por furto, condução sem habilitação legal e desobediência.

Os suspeitos foram constituídos arguidos e os factos remetidos ao Tribunal Judicial de Caldas das Rainha.

 

Lusa