Assinar Edições Digitais
Marinha Grande

Marinha Grande instala 200 armadilhas para vespa asiática

Armadilhas visam captura das fêmeas fundadoras, de modo a evitar formação de novos ninhos e reprodução da vespa asiática. Em 2019 foram identificados e destruídos 96 ninhos na Marinha Grande.

Duas centenas de armadilhas seletivas para captura da vespa asiática estão a ser colocadas no concelho da Marinha Grande, anunciou hoje a câmara municipal.

A instalação está a ser feita pelo Serviço Municipal de Proteção Civil, em particular nos locais onde foram detetados ninhos de vespa asiática em 2019.

No ano passado foram identificados e destruídos 96 ninhos no concelho da MArinha Grande.

Segundo comunicado a autarquia, quinzenalmente haverá ações de monitorização das armadilhas, para contagem de capturas e reforço de atrativos das vespas.

De acordo com a informação divulgada, a intenção é a captura das fêmeas fundadoras antes da formação de novos ninhos, permitindo a redução do número de ninhos e, consequentemente, evitar a reprodução e o aumento da população de vespa asiática.

A Câmara da Marinha Grande solicita à população que, em caso de avistamento de ninhos, seja contactado o Serviço Municipal de Proteção Civil através do número 962 505 875 ou do e-mail proteccao.civil@cm-mgrande.pt.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.