A Câmara Municipal de Pombal vai investir cerca de 1,5 milhões de euros na construção de um novo centro escolar em Pelariga.

A proposta, lançada a concurso público, foi decidida na última reunião do Executivo Municipal, e prevê um prazo de execução de 450 dias, anunciou a autarquia em comunicado.

O Centro Escolar ficará localizado próximo da zona desportiva local, com uma área total de 4438 metros quadrados. E irá preencher a lacuna existente na freguesia, sendo que a atual escola básica “não permite uma melhoria em termos qualitativos, não dispondo de espaço suficiente para expansão (…) nem de condições para criação de espaços educativos e lúdicos, em sintonia com o preconizado no perfil do aluno à saída da escolaridade obrigatória”, refere Ana Cabral, vereadora da Educação.

A responsável informa, ainda, que a nova aposta do município permitirá “a racionalização dos recursos humanos, existindo uma vasta oferta de atividades destinadas a assegurar o acompanhamento das crianças do Pré-Escolar e dos alunos do 1º Ciclo, antes e depois da componente letiva e de enriquecimento curricular”. Inclusive nos “períodos de interrupção letiva”, acrescenta.

O projeto do Centro Escolar prevê a construção de dois pisos, com quatro salas de aula de ensino básico e duas salas de jardim de infância dispostas em diferentes alas do edifício, “possibilitando o seu uso de forma independente ou conjunta”.

Além destes espaços, a autarquia informa que o polo escolar terá áreas administrativas, salas polivalentes, biblioteca, refeitório, instalações sanitárias e recreios.

Segundo Ana Cabral, o novo edifício constitui uma “alternativa mais tranquila e segura para a maioria dos pais e encarregados de educação que trabalham essencialmente na cidade de Pombal ou na zona urbana”.