Assinar
Leiria

Hortense dá lugar a Ignacio mas chuva, vento e agitação marítima mantêm-se

Leiria está sob aviso amarelo, devido à previsão de forte agitação marítima.

Depois do final da semana ter sido marcado pela ação da depressão Hortense, que trouxe consigo chuva, vento e agitação marítima, este sábado é a depressão Ignacio quem promete repetir a receita.

De acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), a depressão Ignacio deverá influenciar o estado do tempo em Portugal Continental durante o dia de hoje, 23 de janeiro, “sendo as regiões norte e centro as mais afetadas pela passagem desta depressão”.

Estão previstos “períodos de chuva, que serão por vezes fortes e persistentes no Minho e Douro litoral a partir da manhã”, sobretudo em “zonas montanhosas das regiões norte e centro, passando a regime de aguaceiros durante a tarde”.

O vento vai igualmente mostrar-se “sendo em geral moderado (até 30 km/h) do quadrante oeste, soprando durante a manhã forte (até 40 km/h) de sudoeste, com rajadas até 70 km/h no litoral a norte do Cabo Raso, e sendo forte (40 a 50 km/h), com rajadas até 100 km/h, nas terras altas”.

Também a agitação marítima se mantém “forte no litoral oeste, com ondas de noroeste com 4 a 4,5 metros e que diminuirão durante a madrugada de dia 24”.

Há, igualmente, “possibilidade de queda de neve acima de 1200/1400 metros de altitude até ao início da manhã”.

Este sábado, em Leiria, os termómetros deverão oscilar entre os 9 e os 15 graus. Para amanhã, domingo, a temperatura máxima prevista é de 16 graus e a mínima 10.

Entretanto, seis distritos de Portugal continental estão hoje sob aviso laranja devido à previsão de chuva, e outros seis têm avisos amarelos por causa do vento e da agitação marítima, segundo o Instituto Português do Mar da Atmosfera (IPMA).

Os distritos de Viana do Castelo, Braga, Vila Real, Aveiro, Viseu e Porto estão sob aviso laranja até às 18 horas de hoje por causa da previsão de chuva por vezes forte.

O IPMA colocou também os distritos de Bragança, Guarda e Castelo Branco sob aviso amarelo até às 21 horas de hoje devido à previsão de vento forte, com rajadas até 80 quilómetros por hora, que podem chegar aos 100 quilómetros por hora nas terras altas.

Coimbra, Leiria e Lisboa estão também sob aviso amarelo, mas devido à previsão de forte agitação marítima, sendo esperadas ondas de quatro a cinco metros.

Este alerta termina às 9 horas, mas nos distritos de Coimbra e Leiria é retomado às 15 horas para se estender até às 3 horas de domingo.

O aviso amarelo é emitido pelo IPMA sempre que existe risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

Face ao quadro meteorológico, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) alertou para a possibilidade de ocorrência de cheias em meio urbano, inundação por transbordo de linhas de água em zonas mais vulneráveis, assim como a acumulação de gelo, neve e formação de lençóis de água na estrada.

A proteção civil alertou ainda para o risco de queda de ramos ou árvores devido ao vento forte, de afetação de infraestruturas associadas às redes de comunicações e energia, e de possíveis acidentes na orla costeira, recomendando comportamentos adequados, sobretudo nas zonas de maior risco.

Com Lusa

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.