Assinar
Leiria

Distrital do PSD não acompanha estrutura nacional na escolha do candidato a Leiria

Presidente da distrital do PSD diz sentir “alguma desilusão” na escolha de um projeto que não tem reunido as escolhas dos leirienses nos últimos dois mandatos.

A Comissão Política Distrital do PSD/Leiria mostrou-se desagradada com a solução encontrada pelos órgãos nacionais do partido na escolha do nome para o candidato à Câmara de Leiria nas próximas eleições autárquicas.

O nome de Álvaro Madureira foi anunciado esta tarde, pelo secretário-geral do partido, José Silvano, na divulgação de 53 nomes de candidatos em todo o país, mas não merece a aprovação de todos.

Rui Rocha, presidente da distrital do PSD, refere que está “otimista” quanto aos resultados do partido em Leiria, “num processo que correu com bastante naturalidade”, mas deixa dois apontamentos: Leiria e Castanheira de Pera.

“Em Leiria, a distrital não acompanha a estrutura nacional na decisão da escolha de Álvaro Madureira como candidato. Isto resulta de reflexões que temos realizado e que decorrem da análise que fazemos aos resultados desde 2013, em que Álvaro Madureira foi como candidato e, em 2017, impedido pela nacional de ser cabeça de lista conseguiu ser número dois mas conseguiu menos juntas de freguesias e menos um vereador”, diz Rui Rocha ao REGIÃO DE LEIRIA.

“O eleitorado do concelho de Leiria não se revê neste projeto. Julgávamos que, em 2021, seria possível apresentar outro tipo de candidatura”, acrescenta, justificando que “estava estipulado que o candidato saísse do consenso [concelhia-distrital-nacional] mas não foi possível”.

O presidente da distrital assume que sente “alguma desilusão”, porque “sendo difícil encontrar um candidato que fosse abrangente [para o eleitorado de 120 mil pessoas do concelho], então que o partido encontrasse algum nome com notoriedade nacional”, dado tratar-se de uma candidatura a uma autarquia de uma capital de distrito.

“Vincámos isto em várias reuniões entre as três estruturas desde setembro de 2020 e esperávamos, até ao último momento, que fosse apresentada outra solução”, reforça.

Relativamente a Castanheira de Pera, Alda Correia será a candidata, nome que também é diferente do que o que foi indicado pela concelhia. O nome apontado pela estrutura local foi de João Graça, líder da concelhia.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.