Assinar
Desporto

Treinador da Benedita celebra vitória do Sporting na Liga dos Campeões

Equipa orientada por Nuno Dias e Paulo Luís, da Benedita, venceu pela segunda vez na história a Liga dos Campeões, ao derrotar o campeão em título.

O Sporting conquistou a edição 2020/2021 da Liga dos Campeões de futsal, repetindo o título de há dois anos, ao bater ontem à noite, segunda-feira, na final o campeão em título FC Barcelona por 4-3

Num jogo intenso que os catalães venciam por 2-0 ao intervalo, Zicky, Erick, João Matos e Pany Varela marcaram os golos dos comandados de Nuno Dias, que disputaram a quinta final, depois dos desaires de 2010/11, 2016/17 e 2017/18 e do triunfo alcançado em 2018/19.

Esta é a segunda vez na história do clube que o Sporting se sagra vencedor da Liga dos Campeões, subindo ao terceiro lugar do ranking da prova, com dois troféus, em 20 edições, deixando para trás o Benfica, campeão em 2009/10, e ficando apenas a secundar os espanhóis de Inter Movistar (cinco) e FC Barcelona (três).

Nuno Dias, de 48 anos, está no comando do Sporting desde 2012 e apesar de ser natural de Cantanhede tem fortes ligações à região de Leiria. Foi jogador do Instituto D. João V entre 1997 e 2003, do Sp. Pombal entre 2003 e 2006 e depois abraçou a carreira de treinador, estreando-se no banco do Instituto D. João V. O seu desempenho deu nas vistas e após cinco épocas pela equipa pombalense, esteve uma temporada na Rússia, num dos campeonatos mais fortes da modalidade.

Paulo Luís e Nuno Dias estão no comando técnico do Sporting desde 2012

Regressou a Portugal, em 2012, para o Sporting onde se mantém até à atualidade e é fielmente seguido por muitos dos jovens técnicos que ingressam na modalidade.

A seu lado tem Paulo Luís “Casca”. O adjunto de 47 anos, natural da Benedita, aceitou o convite de Nuno Dias em 2012 para o acompanhar no projeto leonino e a dupla tem conseguido atingir os mais elevados patamares da modalidade desde então. À segunda Liga dos Campeões, juntam-se vários campeonatos nacionais, Taças de Portugal, Taças da Liga e Supertaça.

Ontem, em declarações aos jornalistas, Nuno Dias deixou vários elogios ao seu grupo de trabalho.

“Esta equipa merece muito mais respeito por parte de tudo e todos do que o que foi demonstrado. Depois, ao falarem em jogadores formados no clube, e que foram importantes e decisivos, quero deixar um agradecimento especial a todos os treinadores da formação. Todos, até os que passaram antes que tiveram responsabilidade na formação dos que estiveram aqui. Por isso chegaram aqui preparados para fazer um excelente trabalho.

O meu sentimento é de orgulho, um orgulho enorme. Quando quiserem falar em equipa, olhem para este grupo que veio à Croácia e está aí a definição de um verdadeiro grupo, do que é compromisso e do que são os comportamentos de um grupo para conseguir êxitos coletivos. Nunca estive num grupo assim. Tenho um orgulho enorme de fazer parte dele.

Por último, não sei se o mundo do futsal, mais propriamente em Portugal, se fazem ideia do feito que o Sporting alcançou hoje. Sei que vão dizer que foi espetacular, que ganharam a segunda Champions. Mas têm verdadeiramente noção do que o Sporting fez na Croácia? Em cinco dias venceu em três jogos o campeão russo, espanhol e europeu. Se têm noção daquilo que o Sporting alcançou hoje. Só deixo isto no ar para pensar e comentar”.

Com Lusa

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.