Assinar


Leiria

Presidente da Câmara de Leiria afirma que será presidente de todos

Presidente comprometeu-se a “resolver definitivamente o problema dos efluentes suinícolas e a requalificação da bacia do Lis.

O presidente da Câmara de Leiria, Gonçalo Lopes, disse ontem à noite, na sua tomada de posse, que será o líder de todos os cidadãos e que Leiria é um “projeto coletivo”.

“Este é um caminho que pretendo percorrer com muita determinação, mas não sozinho. Leiria é um projeto coletivo. Meu, dos eleitos para a Câmara, para a Assembleia Municipal, para as Juntas e Uniões de Freguesia, mas também das associações, dos clubes, das escolas, das empresas, dos trabalhadores, das crianças, dos idosos. De todos e para todos”, afirmou o socialista, eleito com maioria nas últimas eleições autárquicas.

Gonçalo Lopes afirmou que assume o “compromisso de ser presidente de todos os leirienses” e que lutará “de forma igual para defender os interesses de cada um, sem exceção”.

Referindo que vai iniciar uma “caminhada para a construção de um concelho cada vez mais sustentável”, o presidente comprometeu-se a “resolver definitivamente o problema dos efluentes suinícolas e a requalificação da bacia do Lis”, assim como “melhorar a mobilidade, com mais e melhor estacionamento periférico, e transportes escolares e urbanos não poluentes e com horários atrativos”.

Atrair residentes ao concelho, “com mais habitação, a preços controlados”, “apoiar a instalação no concelho de empresas criadoras de emprego qualificado” e “assumir a cultura e o desporto como fatores de coesão social” são desígnios do seu mandato.

Dirigindo-se à equipa de sete vereadores que o acompanham, Gonçalo Lopes pediu “dedicação, esforço e, porventura, alguns sacrifícios” que espera que seja “pleno de conquistas”.

Gonçalo Lopes assume presidência do Município de Leiria para o mandato 2021-2025 Foto: Joaquim Dâmaso

“Apesar do muito que foi feito e da longa luta que travámos contra a pandemia, a nossa ambição diz-nos que temos ainda uma longa montanha para escalar”, salientou.

Durante o seu discurso, Gonçalo Lopes prometeu empenhar-se “na melhoria das condições de trabalho e valorização” dos funcionários da autarquia, apelando para que “continuem a vestir a camisola de Leiria com espírito de equipa, sentido de missão, proatividade, exigência e orgulho”.

Destacando o trabalho de “proximidade” dos presidentes de junta e das uniões de freguesia, Gonçalo Lopes garantiu que pretende “continuar a valorizar” o seu papel, “com competências e recursos, dando corpo à estratégia” que tem para o concelho de “desenvolvimento, por igual, de todo o território”.

Tomaram posse esta noite os socialistas Gonçalo Lopes, Anabela Graça, Ricardo Santos, Ana Valentim, Carlos Palheira, Catarina Louro e Luís Lopes, e os vereadores do PSD Álvaro Madureira, Daniel Marques e Branca Matos. Ricardo Gomes, eleito pelo PS, não esteve presente “por força maior”.

O PS venceu as eleições autárquicas em Leiria com maioria absoluta, conquistando 52,47% dos votos, o que corresponde a oito mandatos, enquanto o PSD foi o segundo mais votado, com 22,38% e alcançou três mandatos.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.