Assinar
Autárquicas 2021

Porto de Mós: “Em 2019 começámos a inverter o ciclo de perda de população”, diz Jorge Vala

Presidente da Câmara de Porto de Mós continua a apostar em colocar o concelho no mapa nacional dos destinos com forte atração turística.

Jorge Vala, presidente da Câmara Municipal de Porto de Mós, entrevistado no âmbito do ciclo de entrevistas do REGIÃO DE LEIRIA aos autarcas recém-eleitos para as câmaras da região, garante que a recuperação demográfica está já em marcha no concelho.

Um conjunto de incentivos fiscais lançados no mandato anterior permitiram, segundo o autarca, atrair população, verificando-se já uma recuperação, ainda que ligeira. ” Em 2019 começámos a inverter o ciclo de perda de população. É um sinal de que o ciclo se está a inverter e que estamos a crescer”, diz Jorge Vala.

O reeleito presidente do município aborda também na entrevista a estratégia para “colocar Porto de Mós no mapa” dos destinos turisticamente mais desejados, aproveitando as condições naturais do Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros, onde avança o plano para criar 700 km de percursos e mantém a intenção de criar um geoparque, e a aposta no castelo, que, mesmo em pandemia, “passou a ter mais do dobro dos visitantes que tinha”.

Nesta entrevista, Jorge Vala desvenda ainda dois projetos existentes para Mira de Aire e Juncal, pensados para atrair jovens talentos, nómadas digitais e imigrantes.

Entrevista realizada a 27 de outubro de 2021

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é assinante, entre com a sua conta. Entrar