Assinar


Desporto

Atletismo: Auriol, Evelise e Irina sobem ao pódio como campeãs nacionais

Também Ruben Antunes foi campeão. Provas decorreram este sábado em Pombal e Vagos.

Auriol Dongmo conseguiu em Pombal a segunda melhor marca nacional do ano no lançamento de peso FPA/LUÍS BARRETO FPA

A atleta de Leiria Auriol Dongmo, do SCP, voltou a destacar-se em Pombal ao conquistar, este sábado, a marca de 19,38 metros no lançamento de peso.

O recorde arrebatado na pista do pavilhão da Expocentro, onde decorrem este fim de semana os Campeonatos Nacionais de Clubes em pista coberta – I e II divisão, foi a segunda melhor marca nacional do ano, segundo a Federação Portuguesa de Atletismo (FPA).

Já Inês Carreira, da Juventude Vidigalense (sub-23), ficou em segundo lugar, com a marca de 12,72 metros.

Também a leiriense Evelise Veiga venceu no salto em comprimento pelo SCP, com a marca de 6,54 metros.

Ainda no salto em comprimento, mas em masculinos, André Pimenta, da JV, conquistou o segundo lugar no pódio ao conseguir saltar 7,33 metros.

Nos 60 metros extra, também João Calhau (sub-23), da JV, conseguiu a segunda melhor classificação com o tempo de 7,04s.

A segunda jornada tem lugar esta tarde, a partir das 15 horas, com triplo salto, salto com vara (femininos), 800 metros, salto em altura, lançamento de peso (masculinos), 3.000 metros, 60 metros e 4×400 metros.

Irina Rodrigues e Ruben Antunes vencem no Campeonato de Lançamentos Longos

Entretanto, a leiriense Irina Rodrigues, atleta do SCP, voltou a vencer o Campeonato de Lançamentos Longos, que decorreu este sábado em Vagos, ao lançar o disco a 62,08 metros, conseguindo carimbar o seu 11.º título nesta competição, revela a FPA em comunicado.

Citada na mesma nota, a atleta considerou ser uma “boa marca”, embora “gostasse de ter conseguido já a qualificação para os campeonatos do mundo”, afirmando que irá agora estar focada em conseguir estar presente na Taça da Europa e nos campeonatos do mundo” e “realizar uma boa prestação”.

Vânia Silva, atleta de Leiria e recordista nacional de lançamento do martelo, sagrou-se vice-campeã nacional, terceira na prova, também em representação do SCP, com a marca de 57,49 metros.

Já pela JV, destacou-se Flávia Costa, que garantiu o terceiro melhor lançamento de dardo feminino, com 44,04 metros.

Em masculinos, destaque também para o vencedor do lançamento do martelo, o leiriense Ruben Antunes, do Sporting, que logo no primeiro ensaio tornou-se no novo recordista da competição, com 70,49 metros, melhorando para 70,52 metros, no quarto ensaio, mais sete centímetros do que a anterior melhor marca, que foi obtida em 2018 por António Vital e Silva, vencedor das últimas sete edições desta competição, ausente em Vagos.

O novo campeão mostrou-se, no final, “satisfeito” com a sua prestação e com a marca, sublinhando que “é apenas o início da época”, pelo que não pretende “ficar por aqui”. Segue-se a Taça da Europa de Lançamentos, competição na qual garantiu que está totalmente focado e onde espera “conseguir uma boa prestação e uma boa marca”.

Miguel Carreira, do Clube de Atletismo da Marinha Grande, classificou-se na segunda posição, com 66,71 metros. Carlos Malaquias, da JV, foi quinto e sagrou-se campeão sub23, com a marca de 52,70 metros, atrás de Michael Fonseca, da JV, quarto classificado.

Vários atletas de Leiria conquistaram ainda lugares no pódio nos dois campeonatos nas respetivas categorias.

(atualização no dia 21 de fevereiro, pelas 17h45, com referência à vitória no lançamento do martelo em masculinos)

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.