Assinar
Leiria Exclusivo

Reversão de uniões de freguesias: que seja feita a vontade da população

Autarquias. Seja por ações das Uniões de Freguesias ou por movimentos de cidadãos, a voz da população está a ser determinante no rumo da revogação de uniões de freguesias decididas em 2013 pela ‘Lei Relvas’. Anafre diz que sente “um constante crescimento de municípios e freguesias que iniciaram o processo de desagregação”

Maior do que muitos concelhos do país, a União de Freguesias de Leiria, Pousos, Barreira e Cortes, tem condições para ser desagregada
Foto: Joaquim Dâmaso

A reforma administrativa que entrou em vigor em 2013, feita pelo Governo PSD/CDS, negociada com a Troika, e que viria a ficar conhecida como ‘Lei Relvas’, reduziu o número de freguesias do país de 4.259 para 3.092. A região de Leiria e Ourém não foi exceção e as uniões entre territórios transformaram 161 freguesias em 123. Só Batalha, Marinha Grande, Nazaré e Pedrógão Grande mantiveram o mapa do concelho intacto.

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos relacionados

Subscreva!

Newsletters RL

Saber mais

Ao subscrever está a indicar que leu e compreendeu a nossa Política de Privacidade e Termos de uso.

Artigos de opinião relacionados