Uma máquina multibanco foi assaltada na madrugada de terça-feira com recurso a explosivos, provocando danos nos edifícios da dependência bancária e da Junta de Freguesia da Martigança, no concelho de Alcobaça.

“Fomos chamados cerca das 2 horas e confirmámos que a caixa ATM foi violada através de explosivos”, disse à agência Lusa Carlos Ramos, da GNR de Leiria.

“Era 1h55 quando se ouviu um estrondo que acordou a população toda e eles fugiram logo a seguir em dois carros, às escuras, sem ligarem os faróis”, confirmou o presidente da Junta de Freguesia de Martingança, Fernando Escudeiro.

As autoridades estão a investigar se os assaltantes terão conseguido levar algum dinheiro da caixa multibanco já que “no exterior estavam papéis e outras coisas amontoadas” afirmou o presidente da Junta.

“Ainda apanhámos no chão 32 notas de 20 euros e pensamos que eles também terão levado algum dinheiro”, acrescenta Fernando Escudeiro, sublinhando que, ainda assim, “não terá sido tanto como pensavam porque a máquina costuma ser abastecida à segunda-feira, mas esta semana estava previsto ser só hoje [terça-feira]”.

O assalto, com recurso a explosivos, causou um incêndio e danos no edifício da delegação local do BANIF, onde se encontrava a caixa multibanco.

O incêndio foi combatido por oito bombeiros da corporação de Pataias.

O edifício da Junta de Freguesia, onde se encontra a funcionar a dependência bancária, sofreu também alguns danos mas, segundo o autarca “depois de removermos os vidros partidos e procedermos à limpeza, está em condições de funcionar”.

O assalto está a ser investigado pela Polícia Judiciária (PJ) que já esta manhã recolheu indícios no local.

(Actualizado dia 12 de Maio de 2011 com declarações do presidente da Junta de Freguesia de Martingança)

Fotografia: Joaquim Dâmaso