Assinar Edições Digitais
Desporto

União de Leiria, SAD responsabiliza ex-director geral por desempenho da equipa e problemas financeiros

A SAD da União de Leiria responsabilizou hoje o ex-director geral Jorge Alexandre pelo conjunto de maus resultados no início da Liga portuguesa de futebol, pelas decisões que levaram a três trocas de treinador e pelos problemas financeiros (leia o comunicado).

A SAD da União de Leiria responsabilizou hoje o ex-director geral Jorge Alexandre pelo conjunto de maus resultados no início da Liga portuguesa de futebol, pelas decisões que levaram a três trocas de treinador e pelos problemas financeiros.

Em comunicado, a SAD leiriense esclarece que, ao contrário do divulgado por Jorge Alexandre na semana passada, coube à administração a decisão de retirar a confiança ao ex-director geral.

Jorge Alexandre, segundo o documento, “excedeu largamente os poderes que lhe foram conferidos, face à assunção de compromissos que prejudicam gravemente os interesses desta sociedade”.

De acordo com a SAD, isso reflecte-se na inflação do orçamento definido para a época 2011/2012 num montante não especificado, o que “é revelador da incompetência que lhe deve ser assacada pela ruinosa gestão que coloca a UD Leiria Futebol em graves e assumidas dificuldades”.

No campo desportivo, o ex-responsável pelo futebol é apontado por “negócios desastrosos” que levaram a equipa até ao antepenúltimo lugar (actualmente está em 11.º), à eliminação da Taça de Portugal e da Taça da Liga e à contratação de “três equipas técnicas distintas em pouco mais de cinco meses”.

Jorge Alexandre, que é presidente do Tourizense, da II divisão, desempenhava o cargo de director geral da SAD da União de Leiria desde Junho de 2011.

[issuu layout=http%3A%2F%2Fskin.issuu.com%2Fv%2Fcolor%2Flayout.xml backgroundcolor=FFFFFF showflipbtn=true documentid=111212172949-c28c29de79e24c7aaf155eb25cb6fcec docname=udl username=Jornal_regiao_de_leiria loadinginfotext=Comunicado%20da%20Uni%C3%A3o%20de%20Leiria width=420 height=297 unit=px]

Jorge Alexandre anunciou a sua demissão na última sexta-feira, também em comunicado (leia aqui).

Lusa