Assinar Edições Digitais
Sociedade

Ourém reivindica nó de ligação entre IC9 e A1

Por unanimidade, a Câmara de Ourém aprovou ontem, 7 de fevereiro, a reivindicação de uma ligação directa entre o IC9 e a A1, na zona de Fátima.

Por unanimidade, a Câmara de Ourém aprovou ontem, 7 de fevereiro, a reivindicação de uma ligação directa entre o IC9 e a A1, na zona de Fátima.

Considerando ser a ligação de “fundamental interesse estratégico para cumprir os objetivos que justificaram a construção do IC9”, a autarquia relembra as “as expetativas criadas relativamente à facilidade das ligações nacionais, através da A1 e também um mais rápido acesso a Leiria”.

Na reunião foi apresentado um documento do vereador José Alho recordando que, “numa primeira fase do projeto do IC9, estava prevista uma ligação direta entre este IC e a A1, numa zona condicionada em matéria de ambiente, pelo que essa ligação não foi aprovada pelas entidades competentes”.

A Câmara de Ourém sabe que existe um estudo que prevê uma ligação, numa zona sem condicionantes ambientais, “mas não existem indicações para concretizá-la, levando a temer que não passe do projeto”.

Na sequência da aprovação da reivindicação, a Câmara de Ourém encarregou o presidente da Câmara, Paulo Fonseca, as ações necessárias junto do Governo para exigir a construção da ligação em causa, “sob pena de se concluir pela fraca utilidade do IC9, já que pouco contribuirá para o desenvolvimento regional da zona em que se entrega, em particular para o concelho de Ourém”, defende o documento apresentado por José Alho.