Assinar
Mercado

Leiriense cria mesa de sueca digital

Jovem de 23 anos quer levar o jogo tradicional de cartas para o ambiente virtual. E já pensa em torneios ao estilo do póquer, a decorrer na internet e não só. A tecnologia foi desenvolvida na região.

Um dos jogos de cartas com mais tradição em coletividades e convívios de amigos pode reencarnar no mundo cibernético graças a uma ideia nascida em Leiria.

A mesa de sueca digital é um projeto de Bruno Martins, que pretende ajudar a credibilizar um dos passatempos preferidos dos portugueses. Se as renúncias continuam a ser possíveis, sinais de mão e outros truques ficam seriamente comprometidos.

Do solitário ao póquer e às copas, o casamento entre as cartas e os computadores é antigo. Mas Bruno Martins, fundador da empresa Clinic Money, acredita que está a lançar “um novo formato de entretenimento” com jogos nunca vistos em ambiente virtual. A sueca é o primeiro, outros se vão seguir.

A mesa digital usa processadores informáticos e ecrãs táteis, permitindo até quatro utilizadores, que podem jogar entre si ou com outras pessoas na internet.

Desenvolvido por um programador de Leiria, o software confere rigor às partidas, disponibilizando históricos e estatísticas. É o ponto de partida para a realização de competições online através do site “cartadas.com” e da sua página no Facebook, plataformas também geridas por Bruno Martins.

Fomentar comunidades de jogadores não é o único objetivo. O jovem leiriense, de 23 anos, pensa em eventos ao estilo dos torneios de poker. O primeiro, o SUECAtour, aconteceu na Batalha, há três semanas, atraindo meio milhar de fãs e distribuindo 1.500 euros aos vencedores.

“Existe uma grande quantidade de jovens que gostam de jogar sueca, mas não se identificam com os torneios das coletividades”, diz Bruno Martins,
para quem a principal inovação que a Clinic Money está a propor é mesmo “o formato de jogo”.

Agora, resta procurar parcerias e melhorar o sistema. Com o tempo, este pode ser um conceito para internacionalizar, acredita.

(notícia publicada na edição de 18 de maio de 2012)

Cláudio Garcia
claudio.garcia@regiaodeleiria.pt

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.