Assinar Edições Digitais
Cultura

Música, teatro e cultura contra a troika em Caldas da Rainha

Vários artistas de diversas áreas juntam-se amanhã, 13 de outubro, na Antiga Praça do Peixe de Caldas da Rainha, para um programa de contestação cultural intitulado “Que se Lixe a Troika, Manifestação Cultural”.

Manuel Freire

Vários artistas de diversas áreas juntam-se amanhã, 13 de outubro, na Antiga Praça do Peixe de Caldas da Rainha, para um programa de contestação cultural intitulado “Que se Lixe a Troika, Manifestação Cultural”.

Das 16 às 21 horas, passa pela Praça 5 de Outubro bandas, companhias de teatro, associações, pintores e músicos, como Manuel Freire, que vão atuar e participar numa assembleia popular. O momento será também aproveitado para recolher bens alimentares para ajudar famílias necessitadas.

A contestação cultural decorre da manifestação de 15 de setembro e, segundo a organização desta ação, pretende-se “um dia cheio de eventos, com música, dança, teatro, poesia, pintura e todas as formas de arte que materializem o espírito de insubmissão que se sente nas ruas de todo o país. Aos artistas o palco, ao povo a voz!”.