Assinar
Sociedade

Demissão da direção provoca eleições na Meia Maratona

Do total da dívida, 100 mil euros são referentes a um empréstimo bancário para remodelação das instalações, 33 mil é o montante aproximado de salários em atraso, e cerca de 20 mil são dívidas a fornecedores

A direção da Meia Maratona Internacional da Nazaré demitiu-se e a associação, que também é proprietária da Rádio Nazaré, vai para eleições.

Porém, a dívida da associação, superior a 150 mil euros, poderá ser um obstáculo para encontrar voluntários para os novos corpos sociais.

A direção mantém-se em funções, mas agora como comissão administrativa até à realização de novas eleições, ainda sem data marcada.

Além do passivo acumulado, a associação tem uma situação deficitária em resultado do défice de exploração da Rádio Nazaré, que nos últimos anos tem somado prejuízos.

Do total da dívida, 100 mil euros são referentes a um empréstimo bancário para remodelação das instalações, 33 mil é o montante aproximado de salários em atraso, e cerca de 20 mil são dívidas a fornecedores.

Dos sete trabalhadores que a Rádio Nazaré tinha há um ano, restam apenas dois, depois da saída dos outros cinco por salários em atraso.
Para a direção demissionária, tratou-se de um “mandato extremamente difícil pela conjuntura”, em que a atividade de radiodifusão foi o ponto nevrálgico que ao longo dos últimos 15 anos consumiu todos os recursos e capitais próprios da associação. Esta dificuldade levou a direção a realizar “diversos eventos ao longo do ano, de modo a suprir os elevados prejuízos mensais”, referiu o presidente da direção, Rui Gerardo.

Artur Ledesma
artur.ledesma@regiaodeleiria.pt

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.