Assinar
Cultura

Made in Japan: Mário Lopes enche o Banco de Portugal de jardins (e não só)

Nasceu em Santa Eufémia, estudou na Batalha, cresceu como escultor um pouco por todo o lado, de Carrara a Tóquio. Mário Lopes mostra em Leiria esculturas e gravuras “Made in Japan”.

Nasceu em Santa Eufémia, estudou na Batalha, cresceu como escultor um pouco por todo o lado, de Carrara, em Itália, a Tóquio, no Japão. Mário Lopes mostra em Leiria, a partir de sábado, 2 de fevereiro, as suas esculturas e gravuras “Made in Japan”.

Em “Made in Japan”, as esculturas e xilogravuras repartem-se pelos dois pisos e até pelo exterior do Edifício Banco de Portugal. São trabalhos que o artista criou durante os três anos que esteve no Japão.

A exposição inaugura sábado, às 16 horas, e pode ser visitada até 23 de março, de segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas e ao sábado, das 14 às 18 horas. A entrada é livre.

Leia mais sobre a exposição e sobre Mário Lopes na reportagem publicada no REGIÃO DE LEIRIA de 31 de janeiro de 2013. Pode adquiri-la online aqui.

Veja aqui algumas imagens das peças que constam de “Made in Japan”. As fotografias são de Joaquim Dâmaso.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.