Assinar Edições Digitais
Mercado

Quinteto investidor ressuscita lojas Ulmar

Meia dúzia de novos supermercado vão nascer nas próximas semanas na região. Empresários apostam em recuperar insígnia de cadeia de lojas que nasceu em 1969.

O investimento é superior a meio milhão de euros e surge pela mão de cinco empresários da região, que ainda este mês vão fazer ressurgir em Leiria e Pombal, três supermercados da marca Ulmar.

César Santos, Miguel Joaquim, Carlos Mendes e Ricardo Biquinha, quatro dos cinco empresários responsáveis pela Parsuper (fotografia: Sérgio Claro)
César Santos, Miguel Joaquim, Carlos Mendes e Ricardo Biquinha, quatro dos cinco empresários responsáveis pela Parsuper (fotografia: Sérgio Claro)

Criados há mais de 40 anos, os supermercados Ulmar foram vendidos em 2007 e assumiram a marca “Ponto Fresco”. Agora, um grupo de empresários quer fazer ressurgir a marca e, em simultâneo, criar nove dezenas de postos de trabalho e ajudar a economia local, apostando em produtores da região.

Para já, a Parsuper – empresa promotora deste investimento – avança com duas lojas em Leiria: na Av. Adelino Amaro da Costa (nos Jardins do Lis) e na Rua da Restauração. E uma outra na Av. Heróis do Ultramar, em Pombal.

Até ao outono, será de esperar a abertura de espaços em Ourém, Mira de Aire e Alcobaça. Mas a empresa admite a expansão do negócio ainda este ano e em 2014.

O sócio gerente da empresa, Carlos Mendes, explica que foi possível recuperar o melhor dos antigos supermercado Ulmar, eliminando da nova estrutura as ineficiências que os caracterizavam.

Uma das grandes vantagens passa pela proximidade, aponta. Seja no relacionamento com o cliente, seja na rede de fornecedores, principalmente ao nível de frescos e perecíveis. Um fator que, acredita, será diferenciador, uma vez que vai reduzir o tempo entre a colheita e produção e a chegada à loja, bem como os custos de distribuição. Assim se explica o lema “a frescura está de volta”, adianta Carlos Mendes.

Os supermercados que recuperam a insígnia Ulmar, têm uma parceria com o grupo Auchan, que em Portugal assume a gestão da cadeia de hipermercados Jumbo e supermercados Pão de Açúcar. Esta aliança, acreditam os promotores, assegura preços competitivos.

Apesar da crise, Carlos Mendes confia que as novas lojas vão conquistar mercado. Com menos rendimento disponível, as compras são mais sistematizadas e de menor valor, beneficiando as lojas de média dimensão e de proximidade.

(Notícia publicada na edição de 1 de agosto de 2013)

Carlos S. Almeida
carlos.almeida@regiaodeleiria.pt