Select Page

Books & Movies. Mais de uma centena de atividades com entrada livre em Alcobaça

Mais de uma centena de atividades em torno da literatura e do cinema marcam a 5ª edição do Books & Movies, festival que, entre os dias 8 e 14 de outubro, leva autores e realizadores a Alcobaça.

O Festival Literário e de Cinema de Alcobaça “dinamizará 101 atividades ao longo de oito dias muito especiais com ofertas culturais para as diversas faixas etárias e os diferentes tipos de públicos”, afirma a vereadora da Cultura da Câmara de Alcobaça, Inês Silva.

Ao longo de sete dias há 22 conversas com escritores, autores, realizadores e atores; três concertos, 11 sessões de teatro, 15 sessões de cinema, três exposições, oito sessões de cooking, 39 ateliers e oficinas, um mercado do livro, uma gala e um rock fest.

Vitor Serrão, Carlos Alberto Moniz, António Manuel Ribeiro e António Mota são alguns dos autores presentes na edição que este ano homenageia o ator Ruy de Carvalho, que, na sua carreira de mais de sete décadas, esteve ligado a Alcobaça quando desempenhou o papel de D. Afonso IV, no filme de José Carlos de Oliveira, “Inês de Portugal”, parcialmente filmado no Mosteiro.

No que toca a exposições, o festival celebra este ano o legado científico e cultural da família Natividade, tanto mais que se assinalam em 2018 os 100 anos da morte de Manuel Vieira Natividade, os 50 anos da morte de Joaquim Vieira Natividade, os 50 anos da abertura da Estação Nacional de Fruticultura e os 60 anos da primeira exibição do filme “Flores: Mundo de Beleza”.

No cinema, o festival assinala os 100 anos do armistício da I Grande Guerra (1914-1918) e da Batalha de La Lys, com a exibição do filme “Soldado Milhões”, com realização de Gonçalo Galvão Teles e de Jorge Paixão da Costa.

Animação, curtas e filmes sobre a natureza e questões ecológicas são outros dos destaques da programação, em termos de cinema, área em que o festival terá mesmo uma extensão com a exibição (no dia 18 de outubro) da mais recente obra cinematográfica dedicada ao drama ‘inesiano’.

No que respeita ao teatro, sobem ao palco “As naus de verde Pinho”, com base na obra de Manuel Alegre, e “1936, o ano da morte de Ricardo Reis”, encenado pelo Teatro A Barraca, com base no livro de José Saramago.

A companhia do Teatro Bocage assinala os 130 anos da morte de Fernando Pessoa com “Fernando (que) pessoas”, e os Gambuzinos com um pé de fora levam à cena “Antes a morte que tal sorte”, com base na obra de José Saramago, “As intermitências da morte”.

Trata-se “uma programação pensada quer com uma vertente educativa, para as escolas, quer para toda a comunidade”, sublinha Inês Silva, estimando que, pelo festival, passem anualmente “mais de 15 mil pessoas”. O festival está orçamentado em 60 mil euros.

Com exceção da exibição do filme “Pedro e Inês”, na sessão especial de 18 de outubro, todas as atividades são de entrada gratuita.

O programa principal do Books & Movies decorre entre 8 e 14 de outubro. O programa integral pode ser consultado aqui. O festival estende-se também aos dias 18 e 19 do mesmo mês, para acolher em Alcobaça a estreia nacional do filme “Pedro & Inês”, de António Ferreira, que estará no Cine-Teatro no dia 18, e o documentário vencedor do Prémio Internacional Books & Movies, “Terras de Cister – Um legado para o futuro”, de Filipe de Moura, no dia 19. Mais informações sobre a extensão disponível aqui.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Siga-nos

A APP do REGIÃO DE LEIRIA

Primeira Página

Publicidade

Pergunta da semana

A carregar

Concorda com o fim dos comandos distritais da Proteção Civil?

Obrigado pelo seu voto!
Já votou nesta pergunta!
Selecione uma das opções!

Publicidade

Região de Leiria no Facebook

Subscrição de newsletter

Share This