As localidades de Ilha de Cima, Moitas Brancas, Ilha de Baixo, Rosados e Silvas, na União de Freguesias de Guia, Ilha e Mata Mourisca, vão passar a ficar abrangidas pela rede de saneamento básico.

A decisão foi aprovada na reunião de câmara de 5 de junho e representa um investimento do município de Pombal estimado em 805 mil euros, acrescido de IVA.

A empreitada tem um prazo de execução de 365 dias e serão construídos coletores ao longo de 9 km e 167 ramais domiciliários, avança o município em comunicado.

Será ainda construída uma Estação Elevatória de Águas Residuais (EEAR) para “concluir a rede existente e permitir a sua ligação ao Emissário de Carnide – Ilha – Louriçal”, explica a Câmara de Pombal.

O projeto inclui também a construção de uma EEAR na localidade de Ramos, na Mata Mourisca, para assim desativar uma mini Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) que, de acordo com o município, “tem apresentado dificuldades no tratamento adequado das águas residuais afluentes”.

O destino final de tratamento destas águas passará a ser a ETAR do Louriçal.

Na localidade de Crespos, na freguesia de Pombal, será também construída uma EEAR para “permitir a entrada em serviço da rede de saneamento” que será ligada à bacia de drenagem em Pombal, por bombagem, solução que se revelou “economicamente mais viável”.