Uma preia-mar com 3,6 metros de altura empurrou hoje os banhistas da costa da região para longe das habituais zonas balneares.

A subida da maré provocada pela Lua Nova obrigou quem estava na praia a recuar uns metros para procurar ficar a seco, perante o avanço do mar.

Na Praia do Pedrógão, no concelho de Leiria, quem estava nas várias praias ocupou zonas habitualmente não utilizadas, chegando até às dunas.

Segundo o serviço de previsão de marés do Instituto Hidrográfico, a situação vai manter-se nos próximos dias (a meio da tarde), pelo menos até 24 de agosto, antecipando-se que o pico da preia-mar aconteça a 21 de agosto, com 3,8 metros de altura.